Anunciada na CES 2023, Soundbar JBL 1300X recebe certificação na Anatel

Soundbar possui caixas de som destacáveis e suporte para tecnologias Dolby e DTS; produto foi apresentado ao público no início de janeiro, durante a CES

Felipe Freitas Everton Favretto
Por e
JBL 1300X (Imagem: Divulgação/JBL)
JBL 1300X (Imagem: Divulgação/JBL)

A soundbar JBL 1300X recebeu a sua homologação na Anatel. O dispositivo, apresentado na primeira semana de janeiro, já pode ser vendido no Brasil. A JBL 1300X possui caixas de som surround destacáveis e som surround 3D.

A soundbard JBL 1300X vem com duas caixas de som de surround e subwoofer. O produto também possui suporte para as tecnologias Dolby Vision, Dolby Atmos e DTS X. Os consumidores que comprarem a JBL 1300X ainda poderão usar o Google Home, Apple AirPlay, Alexa e Spotify integrados ao dispositivo.

Soundbar JBL 1300X é homologada na Anatel

A certificação da nova soundbar da JBL foi rápida em relação a apresentação do produto. Logo, podemos esperar que o produto seja lançado no Brasil sem muito “atraso”. Mesmo com produtos mais caros, a JBL é uma marca que ganhou espaço no país, virando um sinônimo de status — similar ao que acontece com os produtos da Apple.

A JBL 1300X tem um sistema de som de 11.1.4 canais e uma potência total de 1170 W. Esta potência é dividida da seguinte maneira:

  • 650 W para a soundbar
  • 220 W das duas caixas de som surround destacáveis
  • 300 W do subwoofer

Com as caixas de som destacáveis instaladas, a soundbar JBL 1300X mede 137,6 cm x 6 cm x 13,9 cm. O equipamento pode ser conectado via Bluetooth ou Wi-Fi.

Soundbar JBL 1300X (Imagem: Reprodução/Tecnoblog)
Soundbar JBL 1300X em certificação na Anatel(Imagem: Reprodução/Tecnoblog)

Fabricação no Vietnã e lançamento para fevereiro

No documento de certificação, é mostrado que a JBL 1300X será produzida em seis fábricas na China e uma no Vietnã. Tradicionalmente, a China é o ponto de fabricação da enorme maioria dos eletrônicos.

Contudo, a Harman, dona da marca JBL, segue os passos de outras empresas e começa a migrar parte da produção para outras países asiáticos. Samsung e Apple também estão aumentando a participação do Vietnã na fabricação de seus produtos.

Na CES 2023, o lançamento do produto foi apresentado para o dia 19 de fevereiro. Não há confirmação se o produto será lançado na mesma data para o mercado brasileiro. Se você ficou interessado, já pode começar a guardar dinheiro: nos Estados Unidos, ela chegará por US$ 1.700 (R$ 8.708,25 em conversão direta).

Receba mais notícias do Tecnoblog na sua caixa de entrada

* ao se inscrever você aceita a nossa política de privacidade
Newsletter
Felipe Freitas

Felipe Freitas

Repórter

Felipe Freitas é jornalista graduado pela UFSC, interessado em tecnologia e suas aplicações para um mundo melhor. Na cobertura tech desde 2021 e micreiro desde 1998, quando seu pai trouxe um PC para casa pela primeira vez. Passou pelo Adrenaline/Mundo Conectado. Participou da confecção de reviews de smartphones e outros aparelhos.

Everton Favretto

Everton Favretto

Assistente de Conteúdo

Everton Favretto é bacharel em Tecnologias Digitais pela UCS e caça homologações da Anatel para o Tecnoblog. Gosta de telefones (velhos e novos) e está sempre pronto para falar de aviões. Consegue identificar um modelo de 737 olhando para a fotografia dele e tem um Raspberry Pi Zero W na sacada só para rastrear as aeronaves por ADS-B.

Canal Exclusivo

Relacionados