O drone mais barato da DJI tem câmera de 12 megapixels e reconhece gestos com a mão

Felipe Ventura
Por
• Atualizado há 1 mês

A DJI é conhecida por seus drones profissionais que custam mais de mil dólares. Esta semana, no entanto, ela anunciou um modelo menor e mais barato para fotos e vídeos.

O DJI Spark tem câmera de 12 megapixels e grava vídeo em Full-HD. Ele decola a partir da sua mão, possui GPS e GLONASS, e conta com sistemas de detecção de profundidade para evitar obstáculos.

Você pode controlá-lo usando gestos: ele acompanha sua mão enquanto você a move para os lados, para cima, para baixo ou para perto. Faça um gesto semelhante a tirar uma foto, e ele aciona a câmera. Isso funciona a até 3 m de distância.

O app de smartphone permite uma operação mais remota, com alcance máximo de 90 m. Além disso, você pode ativar o QuickShot, que acompanha um objeto ou pessoa durante um minuto e cria um vídeo de 10 segundos para você compartilhar (além de manter a gravação original). São quatro modos de disparo:

  • Rocket: o drone voa para cima com a câmera apontada para baixo;
  • Dronie: ele voa para cima e para longe enquanto mantém você enquadrado;
  • Circle: ele voa em uma trajetória circular ao redor de uma pessoa ou objeto;
  • Helix: ele voa em uma espiral ascendente.

Além disso, com o TapFly, o Spark voa para o local que você tocar na tela do smartphone; e com o ActiveTrack, ele reconhece e acompanha automaticamente um objeto que você escolher, mantendo-o enquadrado. Há também um controle remoto analógico, vendido separadamente, com alcance de até 2 km.

O drone tem autonomia de voo de 16 minutos e chega a até 50 km/h. Ele pesa 300 g, menos que uma lata de refrigerante cheia.

O DJI Spark está em pré-venda e será entregue em junho. Ele custa US$ 499; enquanto um kit “Fly More” com o controle remoto e outros acessórios sai por US$ 699.

Ele vai concorrer com o Yuneec Breeze, um drone pequeno que grava vídeo em 4K e custa US$ 399; e com o ZeroTech Dobby, que sai por US$ 349.

Com informações: DJI, Engadget, ZDNet.

Receba mais notícias do Tecnoblog na sua caixa de entrada

* ao se inscrever você aceita a nossa política de privacidade
Newsletter
Felipe Ventura

Felipe Ventura

Ex-editor

Felipe Ventura fez graduação em Economia pela FEA-USP, e trabalha com jornalismo desde 2009. No Tecnoblog, atuou entre 2017 e 2023 como editor de notícias, ajudando a cobrir os principais fatos de tecnologia. Sua paixão pela comunicação começou em um estágio na editora Axel Springer na Alemanha. Foi repórter e editor-assistente no Gizmodo Brasil.

Canal Exclusivo

Relacionados