Ancine

Artigos de Ancine

Carrefour se reúne com Anatel e Ancine sobre caixinha de TV pirata

às 13h29 por

No início de maio, uma loja do Carrefour foi flagrada divulgando uma caixinha com Android que "desbloqueia mais de 8 mil canais" de TV paga. A rede varejista levou uma bronca da ABTA (Associação Brasileira de Televisão por Assinatura) sobre o "gatonet" e se reuniu com representantes da Anatel, Ancine e Polícia Federal para adotar medidas de combate à pirataria em unidades físicas e no marketplace online. 8 apps

Governo destina R$ 45 milhões para a criação e venda de games no Brasil

às 16h05 por

O Ministério da Cultura (MinC) e a Agência Nacional do Cinema (Ancine) aproveitaram a UNLOCK CCXP, feira de negócios da Comic Con Experience, para apresentar a nova política do governo para o mercado brasileiro de games. Epic Games terá loja para concorrer com Steam e Play Store O programa prevê um investimento de R$ 45,25 milhões e será o primeiro a incluir projetos de realidade aumentada e realidade virtual. O valor

Cota de conteúdo nacional não vai mais ser exigida da Netflix e afins

às 15h16 por

Em maio, a Ancine (Agência Nacional do Cinema) propôs ao Conselho Superior do Cinema que serviços como Netflix e Amazon Prime Video sejam obrigados a disponibilizar uma cota de pelo menos 20% de produções nacionais nos acervos de seus serviços. Isso pode até acontecer, mas não imediatamente: o Ministério da Cultura decidiu não levar a ideia adiante. As cotas de produções nacionais são obrigatórias nos serviços de TV paga no Brasil desde 2011. A intenção da Ancine era a de levar essa condição pa

Rumor falso diz que Ancine vai cobrar imposto sobre GIFs

às 18h12 por

A Ancine (Agência Nacional do Cinema) está envolvida em decisões controversas para regulamentar o conteúdo audiovisual na internet brasileira. Ela recentemente propôs que serviços de streaming, como a Netflix, tenham cota mínima nacional e paguem um imposto à agência. E, esta semana, surgiram boatos de que a Ancine simplesmente decidiu cobrar imposto sobre GIFs. É uma ideia absurda que acabou sendo levada a sério. O rumor é falso, mas como ele surgiu?

Ancine propõe cobrança de Condecine e cota nacional de filmes em serviços de streaming

às 14h02 por

A Ancine (Agência Nacional do Cinema) não esqueceu do plano de regular os serviços de streaming atuantes no Brasil. Na terça-feira (16), a entidade entregou ao Conselho Superior do Cinema propostas que podem obrigar a Netflix a ter cotas de produções nacionais e o YouTube a pagar Condecine, por exemplo. Segundo a Ancine, o objetivo das recomendações é "garantir estabilidade e segurança jurídica" (ao mercado audiovisual) a partir de uma legislação específica para serviços de video on demand (VOD). Aqui, não importa se o provedor do conteúdo tem sede ou servidores em outros

Governo planeja cobrar mais um imposto da Netflix

às 13h00 por

De acordo com a coluna de Ricardo Feltrin para o UOL, o governo está se preparando para tributar a Netflix e outros serviços de streaming no Brasil. O plano aqui é fazer vigorar outra forma de cobrança que, como tal, se somará aos tributos previstos anteriormente. É claro que vai sobrar para o bolso dos consumidores. No final de 2016, o presidente

Ancine vai destinar R$ 10 milhões para desenvolvimento de jogos no Brasil

às 18h30 por

A Agência Nacional do Cinema (Ancine) anunciou nesta segunda-feira (5) seu primeiro edital para jogos eletrônicos independentes. Serão R$ 10 milhões em recursos do Fundo Setorial do Audiovisual (FSA) para a produção de até 24 jogos para consoles, computadores e dispositivos móveis. “O Brasil é um importante mercado consumidor de jogos eletrônicos, mas são poucos os jogos brasileiros existentes. Com esta ação estamos esti

Netflix pode ser obrigada pela Ancine a ter cota de filmes brasileiros

às 14h15 por

Depois de complicar um pouco a vida das operadoras de TV por assinatura, a Ancine (Agência Nacional do Cinema) quer empurrar uma cota de filmes brasileiros para serviços de vídeo sob demanda. A medida afetaria o Netflix e serviços exclusivos para assinantes de TV por assinatura, como HBO Go e Telecine Play. Assim como na cota obrigatória das TVs por assinatura, pelo menos 30% dos filmes nos catálogos dos serviços online devem ser brasileiros se a ideia for levada adiante. Em tese, isso beneficiaria a produção nacional audiovisual, mas considerando o que ocorreu com as empresas de

Governo brasileiro: cada vez mais perto de tributar serviços online estrangeiros

às 13h26 por

Dias atrás, o ministro das Comunicações, Paulo Bernardo, defendeu a taxação de serviços de streaming no Brasil. Tudo indica que a ideia não só vai ser levada a sério, como contemplará outros tipos de conteúdo: o governo federal deu um prazo de quatro meses para Anatel e Ancine criarem um plano de tributação que deverá afetar empresas como Apple, Facebook, Google e Netflix.A informação vem da

Imposto sobre serviços de streaming de vídeo pode encarecer mensalidade e aumentar pirataria

às 10h14 por

Em meados de 2001 a Ancine, Agência Nacional do Cinema, ficou responsável por recolher o Condecine, Contribuição para o Desenvolvimento da Indústria Cinematográfica Nacional. Basicamente um imposto relacionado a vídeos para ajudar o cinema brasileiro. Em um timing bastante suspeito, a agência instituiu recentemente a Instrução Normativa (IN) 105, que tem valor de lei e altera o Condecine. Especificamente, a IN 105 pode ser a responsável por aumentar as mensalidades de serviços de streaming disponíveis por aqui. Ela altera a cobrança do Condecine incluindo um item: um imposto d

Qualquer um pode ser dono de emissora de TV a cabo no Brasil

às 16h08 por

O Senado brasileiro aprovou na noite de terça-feira (16) uma nova regulamentação para o mercado de televisão por assinatura. Cai a antiga e antiquada Lei do Cabo, que fornecia uma série de proibições para quem quisesse ter uma operadora de televisão desse tipo. Em tese, qualquer um pode ser dono de operadora de TV a cabo a partir de agora. É evidente que as empresas de telecomunicações estão em polvorosa com a decisão. Até o presente momento, as empresas de telefonia estavam proibidas de fornecer TV a cabo para os