Início » Antivírus e Segurança » Sandboxie: Teste aplicativos sem medo no seu Windows

Sandboxie: Teste aplicativos sem medo no seu Windows

Sandboxie cria um ambiente virtual isolado do sistema operacional.

Paulo Higa Por

Com instalações e desinstalações de aplicativos no Windows a todo momento, o sistema operacional tende a ficar mais lento e cheio de arquivos inúteis. Além disso, sites que exploram falhas de navegadores e plugins podem causar um belo estrago na máquina. Como evitar esse tipo de problema?

O Sandboxie utiliza uma técnica bem interessante: os aplicativos que você escolher rodam de maneira isolada no sistema e todas as alterações de registro, configurações ou arquivos ficam numa área reservada, chamada de caixa de areia. Assim, fica fácil reverter as mudanças ou eliminar o software com apenas um clique. Você até poderia usar uma máquina virtual, mas a perda de desempenho e a exigência de uma grande quantidade de RAM acabam tornando o processo meio ingrato para uma tarefa tão rotineira.

Sandboxie roda programas de maneira isolada e impede mudanças no sistema operacional.

A técnica é a mesma do Google Chrome, onde os sites e plugins rodam em processos separados, impedindo na teoria que um plugin instável trave todas as abas (Flash, estou olhando para você). O melhor de tudo é que o Sandboxie é gratuito para uso pessoal, com uma licença vitalícia por 29 euros que pode ser utilizada em quantos computadores você tiver.

Utilizar o programa é bem simples: após baixar e instalar o Sandboxie, clique com o botão direito do mouse num atalho, executável ou instalador e acesse a opção “Rodar numa caixa”. O programa que será executado na área restrita terá acesso a todos os seus arquivos, mas não poderá modificá-los diretamente — uma versão modificada será salva na sua caixa de areia, mantendo o original inalterado. Mudanças no registro também serão aplicadas somente na sua caixa de areia. O título do programa estará com um “[#]”, para indicar que ele está rodando de maneira isolada.

Se o aplicativo que você estava testando não atendeu as suas necessidades ou era um malware, apague todo o conteúdo da sua caixa de areia clicando com o botão direito no ícone do Sandboxie na área de notificação, entre no menu da sua instância (por padrão o nome é DefaultBox) e clique em Apagar conteúdo.

Prontinho! Seu sistema operacional continua novinho em folha e poupou você de mais uma restauração ou formatação de disco rígido. 🙂

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Ricardo Nogueira

Bons antivírus têm essa funcionalidade. Sugiro testarem o psafe que faz isso tb.

André Fernandes

Curto mto essa função! Uso no meu notebook pelo antivirus psafe e acho bem seguro baixar coisas pela sandbox.

José Roberto
Baixar aplicativo pra que? O antivirus psafe já me disponibiliza isso a um tempao...
Guilherme Marinho
"O Sandboxie utiliza uma técnica bem interessante: os aplicativos que você escolher rodam de maneira isolada no sistema e todas as alterações de 'registro', 'configurações' ou 'arquivos' ficam numa área reservada, chamada de caixa de areia. Assim, fica fácil reverter as mudanças ou 'eliminar' o software com apenas 'um clique'." No windows, eu sou acostumado a desinstalar programas através do Painel de Controle, com a opção: Desinstalar um programa. Eu gostaria de saber se, quando o Sistema diz que o programa foi excluído, ele não me garante que todos os arquivos relacionados ao programa foram totalmente excluídos do HD? Esse - Desinstalador de programas - do Windows só apaga os arquivos que estão numa pasta específica que é a qual o programa foi instalado ? Agradeço
Fabio Aragao
Concordo sobre o comentario do Chrome travar todas as abas, isso tambem acontece comigo.
Turdin
IE só é lembrado na hora de chingar, claro
@chselegin
De toda forma, o Sandbox, ao que entendi, me parece prover apenas uma "caixa" para teste. Se tu rodares o programa e tudo sair como esperado, então, instalarás ele sem uso da Sandbox. Caso contrário, remove-o da caixa.
@chselegin
Oh my! Por que isto não poderia vir nativamente no Windows? Ajuda aí, Microsoft.
Fer
Sim, no IE... Já o Chrome usa uma "lógica" de agrupamento de procesos ão boa... Que as vezes tudo está rodando em processos separados, ou então tem um monte de abas rodando no mesmo... E, as vezes, tudo está no mesmo processo! No IE, quando uma aba trava, o browser trava por alguns intantes até recarrega-lá, no Chrome você diz adeus a sua navegação... Pois muitas vezes ele vai pro saco (fecha/trava de vez)! E depois ainda dizem que falo mal do Chrome por não conhece-lo... Ai ai....
Marcos
E se eu desativar o antivírus e executar um arquivo infectado na sandbox? Não vale falar que sou idiota.
alberto
"A técnica é a mesma do Google Chrome" Pobre IE. Foi o pioneiro em tal técnica e ninguém dá bola.
YanGM
Lembro como se fosse ontem a época que essa teoria funcionava.
@angelobgu
Vamos testar ..., porquê usar o pc virtual não tava dano muito certo !!!
Gustavo B.
Não lembro se a versão gratuita suporta, mas você pode criar varias sandboxies e escolher em qual quer rodar o programa.
Leonardo
Uma coisa que acho que não ficou muito clara: cada programa instalado vai para uma sandbox própria ou há apenas uma sandbox e todos os programas vão pra lá? Por, se houver apenas uma, seria um pouco incômodo perder todos os programas todas as vezes que quisermos remover um deles.
Exibir mais comentários