Início » Cultura » Mulher Maravilha 1984 vai estrear no Brasil antes que no HBO Max

Mulher Maravilha 1984 vai estrear no Brasil antes que no HBO Max

Mulher Maravilha 1984 chegará aos EUA em 25 de dezembro no HBO Max; filme estreia em cinemas do Brasil uma semana antes

Felipe Ventura Por

Eu estou há anos esperando pelo lançamento de Mulher Maravilha 1984, que foi adiado diversas vezes por causa da pandemia. A Warner enfim definiu uma data para o filme estrear: nos EUA, será em 25 de dezembro através do HBO Max, sem custo adicional para os assinantes. No Brasil, onde o serviço de streaming ainda não está disponível, o longa vai chegar uma semana antes, mas somente nos cinemas.

Mulher Maravilha 1984 (Imagem: Divulgação/Warner)

Mulher Maravilha 1984 (Imagem: Divulgação/Warner)

“No Brasil, a data de lançamento oficial nos cinemas foi confirmada para o dia 17 de dezembro, com sessões antecipadas a partir do dia anterior”, explica a assessoria de imprensa da Warner ao Tecnoblog. Ainda não há confirmação de quando o HBO Max chegará ao país; sabemos que o serviço vai estrear na América Latina em 2021.

Mulher Maravilha 1984, como indica o título, se passa nos anos 80, quando Diana Prince precisa lutar contra os inimigos Maxwell Lord e Mulher-Leopardo (Cheetah); ela também se reencontra com o capitão Steve Trevor, seu interesse amoroso.

A conta oficial de Wonder Woman 1984 no Twitter avisa que o filme estará “disponível no HBO Max apenas nos EUA sem custo extra”; o Disney+ cobrou US$ 30 pelo acesso antecipado ao remake de Mulan, que já está disponível para todo mundo sem pagamento adicional, inclusive no Brasil.

Wonder Woman 1984 vai estrear em cinemas no Brasil

A manobra da Warner é arriscada: em tempos normais, WW84 talvez pudesse ultrapassar US$ 1 bilhão em bilheteria; seu antecessor de 2017 chegou a US$ 821 milhões. Mas em meio a uma pandemia, é difícil depender das salas de cinema nos EUA, especialmente à medida que os casos de coronavírus voltam a disparar por lá. Los Angeles, Nova York e San Francisco representam 20% das vendas de ingressos, mas a maioria dos cinemas está fechada nessas cidades.

A própria Warner quis testar o mercado ao lançar Tenet, de Christopher Nolan, e conseguiu faturar US$ 353,7 milhões, contra um orçamento de US$ 200 milhões. Via de regra, a bilheteria precisa atingir pelo menos ao dobro do orçamento para o filme ser lucrativo, já que parte do dinheiro fica com as salas de cinema.

No Brasil, diversos cinemas já reabriram em São Paulo e no Rio de Janeiro desde outubro. As salas operam com no máximo 60% da capacidade (50% no Rio), e as poltronas ao redor são bloqueadas. O número de novos casos e mortes por coronavírus estava em uma trajetória de queda no país, mas voltou a subir em novembro.

Comentários da Comunidade

Participe da discussão
2 usuários participando

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Paulo Andador (@PauloAndador)

“Nos EUA vai estrear dia 25/12 no HBO Max, sem custo adicional aos assinantes. No resto do mundo, vai estrear dia 26/12, em 4K, nos melhores torresmos, sem custo nenhum aos “clientes”. No Brasil, uma sema antes nos cinemas!”

Assim fica melhor explicado. De nada!