streaming

Artigos de streaming

Oi Play oferece aluguel grátis de Vingadores e mais filmes

às 17h04 por

Para fornecer entretenimento aos que seguem em quarentena durante a pandemia de coronavírus (Covid-19), a Oi liberou aluguel de sete filmes na plataforma de streaming Oi Play. O serviço está disponível em planos de telefonia móvel, banda larga e TV por assinatura da operadora. Os streamings e canais de TV abertos ou com desconto pelo coronavírus [COVID-19]

Netflix e YouTube reduzem qualidade de streaming na Europa

às 11h44 por

A Netflix e o YouTube decidiram reduzir a qualidade de vídeos reproduzidos por usuários que estão na União Europeia. A medida foi tomada para evitar a sobrecarga nas redes de banda larga à medida em que muitas pessoas ficam em casa por conta da pandemia de coronavírus. Golpe em site falso e WhatsApp promete álcool gel da Ambev Os lançamentos e originais da Netflix

Europa pede que Netflix e YouTube limitem qualidade de streaming

às 13h18 por

A União Europeia tem pedido a plataformas de streaming como Netflix e YouTube que reduzam, temporariamente, a qualidade das transmissões de seus serviços. O motivo? Evitar que a crescente demanda por vídeos online sobrecarregue as redes de banda larga do continente europeu. Netflix adia Stranger Things e outras séries devido ao coronavírus

Anatel não pode regular canais online de TV, diz área jurídica

às 11h49 por

A Procuradoria Federal Especializada da Anatel afirmou, em um parecer, que a agência não pode regular canais transmitidos pela internet por não se caracterizarem como Serviço de Acesso Condicionado (SeAC), que envolve a TV por assinatura. A área técnica se posicionou da mesma forma. Anatel autoriza Claro e Nextel a compartilharem redes móveis

Anatel não pode regular canais de TV na internet, diz área técnica

às 09h53 por

Um parecer técnico da Anatel considera que canais lineares — incluindo os de TV paga — transmitidos pela internet com venda direta ao consumidor são considerados serviço de valor agregado (SVA). Ou seja, eles seriam livres de regulação da agência, ao contrário da TV por assinatura tradicional (SeAC). A posição é contrária às medidas tomadas pela Anatel no passado, que proibia a Fox de comercializar seus canais sem uma operadora. TIM e Nextel lideram queixa

Disney+ chega a 28,6 milhões de assinantes em três meses

às 10h43 por

A estreia do Disney+, em 12 de novembro do ano passado, foi marcada por problemas técnicos, mas eles foram superados rapidamente e, hoje, a Disney tem motivos de sobra para comemorar: a plataforma não completou nem três meses de operação, mas já registra 28,6 milhões de assinantes. Os lançamentos e originais da Netflix para fevereiro de 2020

Netflix está prestes a superar TV paga no Brasil em número de clientes

às 18h17 por

O declínio da base de TV por assinatura no Brasil é notável: em dezembro de 2019, dados da Anatel registraram 15,9 milhões de assinantes da TV paga, enquanto a Netflix estaria quase alcançando a marca dos 15 milhões no país. Ou seja, o serviço de streaming deve ultrapassar em breve a Claro/NET, Sky, Oi e Vivo somadas. Os lançamentos e originais da Netflix para fevereiro de 2020

Dazn reduz assinatura de streaming esportivo para R$ 19,90 mensais

às 17h08 por

O Dazn estreou no Brasil custando R$ 37,90 mensais e oferecendo streaming de partidas de futebol, tênis, boxe e outros esportes. Nesta terça-feira (28), o serviço cortou a assinatura quase pela metade: ele sai por R$ 19,90 ao mês, tanto para clientes novos como antigos. O que é Dazn? [quanto custa e como usar de graça]

Netflix cresce mesmo com concorrência do Disney+ e Apple TV+

às 10h29 por

Disney+ e Apple TV+ estrearam em novembro de 2019, mas a chegada dessas plataformas não foi suficiente para abalar a Netflix: o serviço de streaming encerrou o quarto trimestre de 2019 com um aumento de 8,8 milhões no número de assinantes. É o que aponta o mais recente relatório financeiro da companhia (PDF). Netflix va

Globoplay lança streaming de conteúdo brasileiro nos EUA por US$ 13,99 mensais

às 17h00 por

O Globoplay começou uma expansão internacional: o serviço de streaming será lançado neste domingo (19) nos EUA com mais de 500 títulos, com foco na programação da Rede Globo como Avenida Brasil, Domingão do Faustão e Jornal Nacional, além das produções exclusivas da plataforma como Ilha de Ferro, Aruanas, Shippados e Assédio. O serviço custará US$ 13,99 por mês, mais caro que o Disney+ ou que o plano padrão da Netflix.

7 apps de streaming de shows [concertos]

às 14h19 por

O cardápio de serviços de streaming de filmes e séries além da Netflix é enorme — e já publicamos uma lista deles aqui — mas o que me consome, ainda, em pleno 2020, é ter uma estante lotada de DVD e VHS de shows épicos que não se encontram tão facilmente online, considerando que não vou/posso/quero usar Pirate Bay e simil

Carregar mais posts