Erro do Facebook bloqueou contas acidentalmente; mensagem exigia envio de cópia do RG

Paulo Higa
Por
• Atualizado há 1 mês

Na noite de ontem, vários usuários do Facebook relataram que tiveram suas contas bloqueadas sem motivo aparente. Após o login, a rede social exigia o envio de um documento de identificação com foto, como RG, carteira de motorista ou passaporte, para liberar o acesso. Mas acalme-se: você não fez nada de errado e o Facebook não decidiu brincar de banir contas; tudo não passou de um erro.

documento-oficial-facebook-rg

Em comunicado enviado ao The Next Web, o Facebook se desculpa pela falha e admite que “mostrou desnecessariamente uma mensagem de verificação de conta para uma parcela muito pequena dos usuários”. A mensagem foi removida assim que o erro foi descoberto. Como estamos falando de uma fatia “muito pequena” de 1,15 bilhão de usuários, é natural que muitos tenham passado pelo problema.

Como lembra o Manual do Usuário, a verificação de conta no Facebook não é uma novidade. A rede social exige que todos forneçam nomes, sobrenomes e datas de nascimento reais, para evitar problemas com contas falsas. O envio de um documento oficial com foto serve para verificar a autenticidade das informações que você enviou, caso haja alguma suspeita — o que não foi o caso das pessoas afetadas ontem.

Se isso acontecer com você no futuro, mais informações podem ser encontradas neste tópico de ajuda do Facebook. Ao enviar o documento, você pode (e deve) ocultar dados que não sejam necessários para confirmar sua identidade, como o número do CPF ou do cartão de crédito. O Facebook garante que exclui permanentemente os dados do seu documento após a identificação.

Receba mais sobre Facebook na sua caixa de entrada

* ao se inscrever você aceita a nossa política de privacidade
Newsletter
Paulo Higa

Paulo Higa

Ex-editor executivo

Paulo Higa é jornalista com MBA em Gestão pela FGV e uma década de experiência na cobertura de tecnologia. No Tecnoblog, atuou como editor-executivo e head de operações entre 2012 e 2023. Viajou para mais de 10 países para acompanhar eventos da indústria e já publicou 400 reviews de celulares, TVs e computadores. Foi coapresentador do Tecnocast e usa a desculpa de ser maratonista para testar wearables que ainda nem chegaram ao Brasil.

Canal Exclusivo

Relacionados