Apple HomePod leva a Siri para dentro da sua casa

Quem apostou nos rumores de que a Apple anunciaria um rival para o Amazon Echo (ou algo próximo disso) na WWDC 2017 se deu bem. Coube a Phil Schiller, vice-presidente de marketing da companhia, detalhar a grande surpresa do dia: o HomePod (nome criativo, não?), dispositivo com o qual a empresa espera “reinventar a música doméstica”.

O aparelho é, essencialmente, um alto-falante que roda a Siri. Além de reproduzir música (obviamente, há compatibilidade com o Apple Music), a assistente pode receber comandos para realizar várias outras tarefas, basta acioná-la com um “hey, Siri” que pode ser ouvido mesmo em um ambiente com bastante ruído, de acordo com a Apple.

Apple HomePod

Sim, o design lembra um novelo de lã, mas a Apple afirma que o dispositivo foi inspirado no atual Mac Pro. O objetivo aqui é reproduzir som claro, com bom volume e sem distorções, tudo isso em 360 graus. Para tanto, o HomePod tem sete tweeters com controle direcional distribuídos na parte inferior e um subwoofer de 4 polegadas no centro (voltado para cima).

A Apple explica que, graças a essa combinação de recursos, o dispositivo pode oferecer “consciência espacial”, ou seja, adaptar a reprodução de áudio ao tamanho do ambiente.

Para que a Siri possa receber ordens mesmo a distâncias relativamente longas, o HomePod conta com seis microfones. Além de pedir para trocar de música, é possível fazer perguntas à Siri sobre trânsito na região ou resultados de jogos esportivos, mandar uma mensagem, agendar um compromisso, enfim.

Resumidamente, a Siri do HomePod faz praticamente tudo o que pode ser feito com a assistente a partir do iPhone, com o adendo de que a novidade também é uma ótima opção para quem quer ter um lar inteligente: a partir da integração com outros equipamentos, é possível pedir para a Siri apagar todas as luzes da casa ou ajustar o ar condicionado, por exemplo.

Não deve haver gargalos. A Apple equipou o HomePod com um processador A8, o mesmo chip usado no iPhone 6. A segurança é outro ponto que a companhia destacou: nenhum comando é enviado aos servidores sem o reconhecimento do “hey, Siri” (ou equivalente em outro idioma). Quando a comunicação é estabelecida, um sistema de criptografia entra em ação para proteger os dados.

Segundo a Apple, o HomePod terá duas opções de cores (preto ou branco) e deve ser lançado nos Estados Unidos, Reino Unido e Austrália em dezembro. No resto mundo, o dispositivo será disponibilizado apenas em 2018. O preço oficial é de US$ 349.

Receba mais notícias do Tecnoblog na sua caixa de entrada

* ao se inscrever você aceita a nossa política de privacidade
Newsletter
Emerson Alecrim

Emerson Alecrim

Repórter

Emerson Alecrim cobre tecnologia desde 2001 e entrou para o Tecnoblog em 2013, se especializando na cobertura de temas como hardware, sistemas operacionais e negócios. Formado em ciência da computação, seguiu carreira em comunicação, sempre mantendo a tecnologia como base. Em 2022, foi reconhecido no Prêmio ESET de Segurança em Informação. Em 2023, foi reconhecido no Prêmio Especialistas, em eletroeletrônicos. Participa do Tecnocast, já passou pelo TechTudo e mantém o site Infowester.

Relacionados