Início / Notícias / Computador /

Apple deve lançar novos MacBooks sem teclado sujeito a falhas

Teclado com mecanismo borboleta, já na quarta geração, pode parar de funcionar com acúmulo de detritos sob as teclas

Paulo Higa

Por

Notícia
Achados do TB Achados do TB

As melhores ofertas,
sem rabo preso 💰

Eu já perdi a conta de quantas vezes a Apple teve que agir com relação ao teclado borboleta dos MacBooks. O mecanismo, que prometia ser mais silencioso e confortável, está na quarta geração para resolver um problema de confiabilidade: as teclas podem parar de funcionar corretamente com o acúmulo de detritos, como poeira. Agora, parece que a Apple enfim vai desistir da tecnologia.

MacBook Pro

O analista Ming-Chi Kuo, conhecido por antecipar novidades da Apple com precisão, diz que a empresa retornará ao antigo mecanismo tesoura, agora com fibra de vidro para reforçar as teclas. O novo teclado surgiria primeiro em um MacBook Air a ser lançado ainda este ano, além do MacBook Pro de 2020. A expectativa é que o mecanismo borboleta desapareça totalmente nos próximos anos.

O teclado borboleta foi apresentado em 2015 e distribui com mais uniformidade a pressão sobre a tecla, permitindo que o usuário digite com mais conforto e menos erros. Por ser menor, o mecanismo reduz a espessura dos botões. No entanto, mesmo com as revisões e até a aplicação de uma membrana nas teclas para impedir a entrada de poeira, parece que o problema não foi totalmente sanado. Tanto é que a Apple incluiu até MacBooks lançados este ano em um novo programa de reparo.

Teclado - MacBook

Segundo Kuo, a volta do mecanismo tesoura aos MacBooks pode representar maior durabilidade do teclado e melhor “experiência de digitação”, já que as teclas afundam mais. A mudança tornaria o teclado dos laptops mais espesso do que é hoje, mas “a maioria dos usuários não notará diferença”, de acordo com o analista.

O retorno do teclado tradicional pode ter outro motivo mais importante por trás. Além de resolver os problemas de confiabilidade, ele poderia aumentar os lucros da Apple, já que o mecanismo borboleta é mais caro de produzir e tem margens mais baixas, segundo Kuo. O novo teclado, a ser fabricado pela taiwanesa Sunrex, ainda custaria mais do que o preço médio de um teclado de notebook, mas seria mais barato que o atual.

Para 2019, é esperado que a Apple lance um MacBook Pro de 16 polegadas, mas ele ainda não deverá trazer o novo teclado. O MacBook Air também poderá ganhar este ano uma atualização mais significativa do que apenas mudanças de hardware, já com o mecanismo tesoura.

Agora vai, Apple?

Com informações: MacRumors.