Brasil se destaca no GitHub com mais de 3 milhões de desenvolvedores ativos

Em escala global, GitHub já tem 94 milhões de desenvolvedores ativos; no Brasil, são 924 mil novos usuários só em 2022

Emerson Alecrim
Por
Símbolo do GitHub (imagem: divulgação/GitHub)
Símbolo do GitHub (imagem: divulgação/GitHub)

O GitHub não é só uma plataforma de código-fonte, mas também uma comunidade que não para de crescer. Nesta quarta-feira (9), o serviço revelou ter alcançado a marca de 94 milhões de desenvolvedores ativos. O Brasil tem um papel importante nisso. Depois dos Estados Unidos, o país é o terceiro que mais cresceu por lá.

Dos 94 milhões de participantes, 20,5 milhões se cadastraram no GitHub em 2022. Isso significa que, em comparação com o ano passado, a plataforma apresentou um crescimento de 27%. É uma porcentagem impressionante para um intervalo de apenas um ano.

Tem mais. O GitHub calcula que, hoje, 90% das empresas da lista Fortune 100 têm repositórios de código em sua plataforma.

Brasileiros em peso no GitHub

Você já se perguntou quantos desenvolvedores o Brasil tem? Não há nenhum levantamento sobre isso. Mas saiba que não é pouca gente. Basta levarmos em conta que, dos 94 milhões de usuários do GitHub, mais de 3 milhões são brasileiros.

Só em 2022, 924 mil desenvolvedores brasileiros ingressaram na plataforma. Esse número representa um aumento de 39% na base de usuários do Brasil no GitHub em relação a 2021.

É um crescimento tão notável que faz o país se destacar. Depois dos Estados Unidos, o Brasil é o terceiro país que mais registrou crescimento no GitHub, ficando atrás apenas da Índia (2,5 milhões de novos usuários) e China (1,2 milhão).

Na verdade, a América Latina como um todo se destaca. A Argentina, por exemplo, registrou 694 mil desenvolvedores neste ano. Colômbia e Chile aparecem na sequência com 660 mil e 345 mil usuários, respectivamente.

Julio Viana, gerente regional do GitHub no Brasil, celebra esse cenário:

O desenvolvimento de software aqui é vasto e próspero, e o fato do Brasil ser uma das maiores comunidades globais no GitHub é uma prova disso. É importante para nós garantir que todas as pessoas desenvolvedoras tenham oportunidades iguais, conectividade e a melhor experiência possível, independentemente de onde estejam localizadas, e esse crescimento global que estamos vendo nos ajuda a continuar expandindo os limites da inovação de software.

O GitHub quer mais

Todos esses números foram divulgados no GitHub Universe 2022, evento que acontece entre hoje e amanhã, nos Estados Unidos. Eles surgem na esteira de outro número importante: o de que o GitHub já registra receita de US$ 1 bilhão por ano, detalhe que prova que a sua compra pela Microsoft só fez a plataforma evoluir.

No Universe, o GitHub deixou claro que continua engajado com o crescimento da sua base de usuários. Para tanto, novos recursos foram anunciados.

GitHub Copilot (imagem: divulgação/GitHub)
GitHub Copilot (imagem: divulgação/GitHub)

Um exemplo vem do GitHub Copilot, aquele sistema que usa inteligência artificial para sugerir código. Em breve, a ferramenta ganhará uma versão para empresas, própria para trabalho em equipe.

Outro é a liberação de 60 horas gratuitas de Codespaces (ambientes de desenvolvimento hospedados nas nuvens) para todos os usuários da plataforma.

As demais novidades incluem uma nova interface de pesquisa, o anúncio do GitHub Enterprise Server 3.7 (para uso do GitHub em ambientes próprios) e novos recursos na ferramenta de automação GitHub Actions.

Receba mais sobre GitHub na sua caixa de entrada

* ao se inscrever você aceita a nossa política de privacidade
Newsletter
Emerson Alecrim

Emerson Alecrim

Repórter

Emerson Alecrim cobre tecnologia desde 2001 e entrou para o Tecnoblog em 2013, se especializando na cobertura de temas como hardware, sistemas operacionais e negócios. Formado em ciência da computação, seguiu carreira em comunicação, sempre mantendo a tecnologia como base. Em 2022, foi reconhecido no Prêmio ESET de Segurança em Informação. Em 2023, foi reconhecido no Prêmio Especialistas, em eletroeletrônicos. Participa do Tecnocast, já passou pelo TechTudo e mantém o site Infowester.

Canal Exclusivo

Relacionados