Celulares com 3 e 4 câmeras traseiras dominam vendas globais

Com a promessa de maior versatilidade em fotografia, os celulares com câmera tripla e quádrupla foram os mais vendidos em 2020

Ana Marques
Por
• Atualizado há 2 anos e 5 meses
iPhone 11 Pro Max vs. Galaxy S20 Ultra
iPhone 11 Pro Max e Galaxy S20 Ultra (Imagem: Paulo Higa/Tecnoblog)

Macro, ultrawide, telefoto — os celulares com múltiplas lentes caíram nas graças da indústria de smartphones há algum tempo. Agora, são eles que dominam o mercado global – especialmente os modelos que têm câmera tripla ou quádrupla. As informações são da agência Omdia, que revela ainda que as vendas de celulares com quatro câmeras traseiras tiveram aumento expressivo em 2020.

Tendência guiada pela indústria

Seguindo o movimento natural da indústria, as vendas de smartphones com câmera traseira única despencaram. O que é bastante compreensível: é difícil encontrar um celular com apenas uma lente na parte de trás, já que até mesmo modelos de entrada, com preços mais acessíveis, já contam com múltiplas câmeras.

Também não é como se houvesse muitos celulares com câmera dupla aparecendo no mercado: em 2020, a maioria dos lançamentos trouxe contou com três ou quatro lentes traseiras. É claro, há os iPhones – A Apple mantém uma posição conservadora com a câmera única do iPhone SE 2020 e dupla de modelos como iPhone 11 e iPhone 12.

Celulares com múltiplas câmeras dominam vendas globais (Imagem: Reprodução/Omdia)

Celulares com múltiplas câmeras dominam vendas globais no terceiro trimestre (Imagem: Reprodução/Omdia)

A Xiaomi, por sua vez, ficou no lado oposto: três em cada cinco telefones da marca vendidos no terceiro trimestre de 2020 contam com câmera quádrupla traseira, e mais de 80% têm múltiplas câmeras.

Após o “boom” das lente auxiliar para Modo Retrato, ainda em 2018, vimos o popularização da lente ultrawide. Já os últimos 11 meses marcaram a “Era da câmera macro”. As teleobjetivas, que proporcionam zoom óptico, ficaram mesmo para os modelos mais caros.

O ano da câmera quádrupla

Como fica bem claro no gráfico abaixo, enquanto 2019 foi o ano da câmera tripla, 2020 deu lugar aos celulares com 4 câmeras traseiras. Fazendo um recorte para o terceiro trimestre deste ano, quase 60% de todos as vendas foram de smartphones com câmera quádrupla.

Celulares com múltiplas câmeras dominam vendas globais (Imagem: Reprodução/Omdia)

Celulares com múltiplas câmeras dominam vendas globais (Imagem: Reprodução/Omdia)

Seja por escolha dos consumidores ou pelo condicionamento das fabricantes de celulares, o fato é que a moda pegou. E, com ela, os usuários puderam experimentar os benefícios da versatilidade na hora de fotografar com o smartphone.

Hoje, sem sair do lugar, é possível enquadrar uma área maior, desfocar o fundo da imagem ou aproximá-la. Ainda que maior quantidade não signifique maior qualidade, o avanço da tecnologia oferece novas possibilidades interessantes para o segmento de foto e vídeo mobile.

Com informações: Omdia e GSMArena

Receba mais notícias do Tecnoblog na sua caixa de entrada

* ao se inscrever você aceita a nossa política de privacidade
Newsletter
Ana Marques

Ana Marques

Gerente de Conteúdo

Ana Marques é jornalista e cobre o universo de eletrônicos de consumo desde 2016. Já participou de eventos nacionais e internacionais da indústria de tecnologia a convite de empresas como Samsung, Motorola, LG e Xiaomi. Analisou celulares, tablets, fones de ouvido, notebooks e wearables, entre outros dispositivos. Ana entrou no Tecnoblog em 2020, como repórter, foi editora-assistente de Notícias e, em 2022, passou a integrar o time de estratégia do site, como Gerente de Conteúdo. Escreveu a coluna "Vida Digital" no site da revista Seleções (Reader's Digest). Trabalhou no TechTudo e no hub de conteúdo do Zoom/Buscapé.

Canal Exclusivo

Relacionados