Doodle hoje é de Ignaz Semmelweis, médico que insistiu: lavem as mãos!

Doodle segue a recomendação oficial da Organização Mundial da Saúde (OMS) e de Ignaz Semmelweis sobre como lavar as mãos

Melissa Cruz Cossetti
Por
• Atualizado há 2 anos e 5 meses
Doogle-Lava-Mao Ignaz Semmelweis

Hoje é sexta-feira, 20 de março, plena pandemia do novo coronavírus, causador da COVID-19, que já atingiu o Brasil. O doodle de hoje, na home do Google, reconhece os esforços do médico húngaro Dr. Ignaz Semmelweis, amplamente atribuído como a primeira pessoa a descobrir os benefícios de (pasmem!) médicos da lavarem as mãos

  • Como limpar o celular em tempos do novo coronavírus
  • Anvisa aprova testes de coronavírus com resultado em 15 minutos

Neste mesmo dia, em 1847, ele foi nomeado residente-chefe na clínica de maternidade do Hospital Geral de Viena, onde compreendeu e demonstrou que exigir que os médicos desinfetassem suas mãos reduzia enormemente a transmissão de doenças.

Ora, vejam só! Bastante oportuno.

Ignaz Semmelweis

Nascido em Budapeste, em 1º de julho de 1818, Semmelweis obteve um doutorado na Universidade de Viena e um mestrado em obstetrícia. Quando começou seu trabalho no Hospital Geral de Viena, em meados do século XI, uma infecção misteriosa e pouco conhecida, chamada de “a febre puerperal”, estava levando a altas taxas de mortalidade em mães que acabavam de parir bebês em maternidades na Europa.

Semmelweis se dedicou a encontrar a causa. Após uma investigação aprofundada, ele deduziu que os médicos estavam transmitindo material infeccioso de operações anteriores e até de autópsias para as mães suscetíveis através de suas mãos.

O médico instituiu na exigência de que toda a equipe médica lavasse as mãos entre os exames dos pacientes e, como resultado, as taxas de infecção começaram a despencar. Infelizmente, muitos colegas de Semmelweis viram suas idéias com algum ceticismo.

Décadas depois, suas recomendações higiênicas foram validadas pela ampla aceitação da teoria. Hoje, Semmelweis é lembrado como “o pai do controle de infecções”, creditado por revolucionar não apenas a obstetrícia, mas o próprio campo médico. 

Em meio a uma pandemia que pode ser freada pelo isolamento social e reforços nas rotinas de higiene (saiba quais produtos de limpeza matam o vírus), a lavagem das mãos de forma correta é uma das maneiras mais eficazes de prevenir doenças.

Doodle de Ignaz Semmelweis

O Doodle tem 50 segundos, o tempo que deve durar a sua higienização das mãos. 

Não encerre antes disso. 

Com informações: Google e OMS

Receba mais notícias do Tecnoblog na sua caixa de entrada

* ao se inscrever você aceita a nossa política de privacidade
Newsletter
Melissa Cruz Cossetti

Melissa Cruz Cossetti

Ex-editora

Melissa Cruz Cossetti é jornalista formada pela UERJ, professora de marketing digital e especialista em SEO. Em 2016 recebeu o prêmio de Segurança da Informação da ESET, em 2017 foi vencedora do prêmio Comunique-se de Tecnologia. No Tecnoblog, foi editora do TB Responde entre 2018 e 2021, orientando a produção de conteúdo e coordenando a equipe de analistas, autores e colaboradores.

Canal Exclusivo

Relacionados