Todas as novas Smart TVs da Samsung rodarão sistema operacional Tizen

Paulo Higa
Por
• Atualizado há 1 mês

A Samsung anunciou nesta quinta-feira (1º) que todas as Smart TVs lançadas pela empresa em 2015 serão equipadas com uma nova plataforma baseada no Tizen. É uma saída para o sistema operacional que está tendo uma vida difícil nos smartphones: o Samsung Z, que teve o lançamento adiado inúmeras vezes, finalmente foi marcado para aparecer no terceiro trimestre na Rússia… até ser adiado novamente.

A nova plataforma possui um Smart Hub com interface renovada, que exibe os conteúdos mais recentes e as recomendações personalizadas. Além disso, a Samsung facilitou a conexão com seus próprios aparelhos: é possível conectá-los à TV com apenas um clique, e a própria TV se encarrega de procurar automaticamente dispositivos usando Bluetooth de baixo consumo.

Também haverá integração com os serviços de terceiros e da própria Samsung, como o Samsung Sports Live, que exibe na tela informações relacionadas ao jogo que você estiver assistindo; o Samsung Milk Video, de streaming de vídeos; e o PlayStation Now, para você jogar por streaming títulos do PlayStation 3 mesmo sem ter o console, bastando parear um controle DualShock 4 com a TV.

Como as Smart TVs com Tizen ainda não foram lançadas, não sabemos exatamente como ficou a nova plataforma na prática. Mas esta pode ser uma boa notícia especialmente para quem acha a plataforma atual da Samsung lenta e travada: a LG renovou suas Smart TVs com o webOS e, embora ele não seja perfeito, é o melhor sistema operacional para TVs com que já tive contato até o momento. Descobriremos se o Tizen também atende as expectativas na semana que vem, durante a CES 2015.

Receba mais notícias do Tecnoblog na sua caixa de entrada

* ao se inscrever você aceita a nossa política de privacidade
Newsletter
Paulo Higa

Paulo Higa

Ex-editor executivo

Paulo Higa é jornalista com MBA em Gestão pela FGV e uma década de experiência na cobertura de tecnologia. No Tecnoblog, atuou como editor-executivo e head de operações entre 2012 e 2023. Viajou para mais de 10 países para acompanhar eventos da indústria e já publicou 400 reviews de celulares, TVs e computadores. Foi coapresentador do Tecnocast e usa a desculpa de ser maratonista para testar wearables que ainda nem chegaram ao Brasil.

Canal Exclusivo

Relacionados