TB Responde Computador

O que é o Modelo OSI?

Conheça o modelo de conceito para a comunicação entre sistemas de computadores e redes; saiba mais sobre as camadas que o formam

Ricardo Syozi
Por

As melhores ofertas,
sem rabo preso

O OSI é o primeiro modelo padrão de comunicação entre sistemas de computadores e redes, ele faz uso de sete camadas para garantir essa conversa. A maioria das empresas da área de computadores e telecomunicações o adotou no início dos anos 80. A partir daí, a Organização Internacional de Normalização (ISO) o transformou na principal referência em 1984.

O que é Modelo OSI?OSI é a abreviação de "Open Systems Interconnection", ou seja, Interconexão de Sistemas Abertos, em português. É um modelo que define sete camadas para que sistemas de computadores possam usar para se comunicar com uma rede.
Definição do Modelo OSI (Imagem: Tecnoblog)

Todo o conceito do modelo de Interconexão de Sistemas Abertos é representado por sete camadas que, juntas, realizam a comunicação através de uma rede.

Sua importância é enorme, pois ajuda usuários e profissionais a determinar o hardware e software necessários para construir suas redes, por exemplo. Além disso, facilita na hora de encontrar problemas em potencial, já que isso pode ser visualizado de forma individual em cada camada.

Por último, poder definir quais aplicações e dispositivos a parte da rede vai trabalhar é algo que poupa tempo e recursos para uma empresa.

As sete camadas do modelo OSI

o que é modelo osi
A ordem conhecida do modelo OSI (Imagem: YouTube / WeBBer Tutoriais)

Como dito anteriormente, esse modelo trabalha a partir de sete camadas responsáveis por partes distintas da comunicação entre sistemas de computadores e redes. Abaixo você vai conhecer cada uma, da mais alta a mais baixa:

7. Camada de aplicação

Oferece protocolos que permitem que um software envie e receba informações significativas para os usuários. Por isso, é altamente usada por itens como navegador de internet e cliente de e-mail. Alguns exemplos: HTTP, FTP, POP e DNS.

6. De apresentação

Essa camada faz a preparação dos dados para a camada de aplicações. Ou seja, garante que as informações possam ser usadas e faz toda a criptografia.

5. De sessão

É aqui que o modelo OSI cria os canais de comunicação entre dispositivos. Como o próprio nome diz, essa camada é responsável por abrir sessões e garantir que tudo esteja funcional para que dados possam ser transferidos.

4. De transporte

A camada de transporte pega os dados e os quebra em segmentos. Em seguida, na parte final, junta tudo novamente para que as informações alcancem a camada de sessão. Ela transmite através de protocolos como o TCP e UDP.

3. De rede

A responsabilidade dessa camada é a de transmitir dados entre um host a outro em diferentes redes. Do mesmo modo, é válido apontar que outra importante função é a de cuidar dos pacotes de roteamento, selecionando o caminho mais curto para isso.

2. De enlace de dados

É nesta parte que ocorre a conexão entre dois nós conectados fisicamente em uma rede. Essa camada do modelo OSI é composta por duas partes: o controle de enlace lógico (LLC), que identifica e checa erros; e o media access control (MAC), que usa endereços MAC para conectar e definir permissões nos dispositivos.

1. Camada física

Essa camada é uma das mais importantes do modelo OSI. Isso porque ela é responsável pela ligação de cabos físicos ou sem fio entre toda a rede. Outra característica é que a transmissão dos dados brutos é feita a partir daqui.

Com informações: Techtarget.

Esse conteúdo foi útil?

Ricardo Syozi

Ricardo Syozi é jornalista apaixonado por tecnologia e especializado em games atuais e retrôs. Já escreveu para veículos como Nintendo World, WarpZone, MSN Jogos, Editora Europa e VGDB. Possui ampla experiência na cobertura de eventos, entrevistas, análises e produção de conteúdos no geral. Entrou para o Tecnoblog em 2021.

Mais Populares

Responde

Relacionados

Em destaque