Início
Razão Social Intelbras S/A – Indústria de Telecomunicação Eletrônica Brasileira
Fundação 1 janeiro, 1976
São José, SC
Website Oficial www.intelbras.com.br

Intelbras

A Intelbras é uma empresa catarinense que atua nos segmentos de segurança, redes, comunicação e energia. Ela foi fundada em 1976, pelo Grupo Diomício Freitas — que na época era dono de mais trinta empresas nos ramos de carvão, hotelaria e outros.

Inicialmente, a Intelbras fornecia centros de distribuição de rede PBX. O Private Branch Exchange (PBX) — ou Troca de Ramais Privados, na tradução — era uma central telefônica utilizada para facilitar a comunicação interna das organizações. Com ele, era possível transferir chamadas, fazer gravações, criar respostas de voz interativas (IVRs), entre outros recursos.

Então, em 1987, a empresa foi pioneira no mercado brasileiro ao começar a trabalhar com as centrais PABX e desenvolvê-las com tecnologia nacional. Essas centrais funcionavam da mesma forma que as PBX, porém as ações eram feitas de forma automática. Assim, deixou de haver a necessidade de um operador ou telefonista para executar as trocas de ramal.

Então, a partir dos anos 90, a Intelbras começou a expandir seu portfólio para além das centrais de rede. Em 1996, houve o lançamento do primeiro telefone sem fio da empresa. E onze anos depois, a entrada no mercado de segurança eletrônica e redes. Além disso, na mesma época, houve a compra da Maxcom, que levou à inauguração da futura filial em Minas Gerais.

Também no início dos anos 2000, a Intelbras fundou a Itec, seu centro de capacitação tecnológica. A Itec surgiu como estratégia para fortalecer a relação com distribuidores, oferecendo treinamentos gratuitos para instalação e manutenção dos seus produtos. Depois, em 2013, a Intelbras também entrou no mercado de prevenção de incêndios.

As próximas expansões de portfólio vieram na década seguinte, começando pelo lançamento da linha Izy de dispositivos inteligentes, em 2020. E então, os primeiros passos no mercado de energia solar, dois anos depois, com a compra Renovigi por mais de trezentos milhões de reais — considerada a maior aquisição da história da empresa.

Até 2022, a Intelbras já estava presente em mais de 150 mil pontos de venda, incluindo o varejo e revendedores corporativos. No mesmo ano, a empresa foi avaliada em R$ 10,51 bilhões.

Continue lendo »