Início » Aplicativos e Software » Teste aponta Chrome e Opera como os melhores navegadores em duração de bateria

Teste aponta Chrome e Opera como os melhores navegadores em duração de bateria

Mas diferença para o Edge é pequena

Por
2 anos atrás

A Microsoft afirma com veemência que o Edge é o navegador que mais pega leve com as baterias dos nossos notebooks, mas um teste independente indica que não é bem assim: os resultados mostram que, na verdade, Chrome e Opera levam a melhor no quesito duração de bateria, ainda que a diferença em relação ao Edge seja muito pequena.

Imagem por geralt/pixabay

O teste foi executado pelo Linus Tech Tips, canal no YouTube sobre tecnologia que é bastante popular nos Estados Unidos. O canadense Linus Sebastian, responsável pelo canal, decidiu fazer uma avaliação independente porque os testes divulgados pela Microsoft podem não refletir a realidade — a companhia sempre vai defender o seu produto, obviamente.

Para executar a comparação, Sebastian utilizou quatro notebooks iguais e rodou em todos eles várias aplicações, incluindo as funções de teste de bateria do PCMark 8. Na fase mais importante, cada laptop realizou as mesmas tarefas com os seguintes navegadores: Chrome, Edge, Firefox e Opera.

Vale a pena acompanhar todas as explicações no vídeo, mas, para resumir, os resultados finais colocam o Chrome como o vencedor seguido de perto pelo Opera. O navegador do Google registrou 325 minutos como seu pior tempo na autonomia da bateria e 368 minutos como o melhor.

Já o Opera registrou 195 minutos no pior tempo, mas aumentou esse número para 324 minutos com a função de economia de bateria. Curioso é que, sem o recurso, o melhor tempo do Opera foi de 365 minutos; com a economia de bateria, esse número caiu para 343 minutos.

Quanto ao Edge, o pior tempo do navegador foi de 220 minutos; o melhor, de 365 minutos. Se compararmos os melhores tempos, notamos que o Chrome ficou só três minutos à frente do browser da Microsoft. Ressaltando, são 368 minutos contra 365 minutos do Edge, por sinal, o mesmo tempo do Opera.

Testes - navegadores

Por que o Edge não conseguiu números mais interessantes no pior tempo e na média? De acordo com Sebastian, o problema é a falta de consistência, basicamente: o Edge foi o navegador que apresentou as maiores diferenças entre o melhor e pior tempo em cada computador. O Windows 10 Creators Update supostamente trouxe alguns avanços nesse ponto, mas parece que não foi suficiente, sugerindo que o problema talvez possa ser amenizado nas próximas atualizações (bom, é o que se espera).

No fim das contas, Chrome, Opera e Edge estão quase no mesmo patamar no que diz respeito à duração de bateria. Chama atenção o fato de o Firefox não fazer parte do grupo. Mas pode ser por pouco tempo: a Mozilla trabalha atualmente em um projeto chamado Quantum que, entre outros avanços, promete otimizar o uso de hardware pelo navegador.

Com informações: SlashGear