A Microsoft utilizou a E3 para confirmar que está trabalhando em seu próprio serviço de streaming de jogos. Ainda sem nome revelado, a nova plataforma de empresa deverá funcionar em Xbox, PC e smartphone.

A informação foi divulgada por Phil Spencer, responsável pela área de games da Microsoft. “Nossos engenheiros de nuvem estão construindo uma rede de streaming para permitir jogos de console em qualquer dispositivo”, disse o executivo, sem revelar uma data para a liberação do serviço.

Phil Spencer durante a E3 2018 (Divulgação/Microsoft)

É fácil entender o interesse da Microsoft em criar sua própria plataforma de games. Além de inserir a companhia em um mercado importante, o modelo pode atrair mais desenvolvedores à medida que não tem grandes mudanças de uma versão para outra, como os consoles convencionais.

Spencer também adiantou que a Microsoft está trabalhando em uma nova geração do Xbox. Segundo ele, a equipe da Microsoft Research está trabalhando para oferecer inteligência artificial nos jogos. “Os mundos e os personagens que nós gostamos serão mais ricos e imersivos”, adiantou.

Foco em jogos exclusivos

A companhia também se concentra em aumentar sua lista de jogos exclusivos. Para isso, comprou quatro estúdios: Undead Labs (responsável por State of Decay), Playground Games (Forza Horizon), Ninja Theory (Hellblade: Senua’s Sacrifice) e Compulsion Games (We Happy Few).

Também foi criado o The Initiative, estúdio de Darrell Gallagher, que chefiava Crystal Dynamics no relançamento do Tomb Raider, em 2013. Eles se juntarão à Microsoft Studios, área da empresa voltada para produção de novos jogos.

Com informações: Engadget (2), The Verge, CNET.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Carlos Henrique Dantas

Deixem de delírio, tenho um ps4 há vários anos e essa semana comprei um Xbox one X, agora tenho os dois, gerra besta de fanboy nutella, que briga por console é porque não tem condições financeiras de comprar o concorrente, aí fica dando chilique! Os dois tem suas vantagens e desvantagens, sony com melhores exclusivos e o xbox com melhor serviço ao cliente!

Fábio Moser

E tem mais, foram inúmeras as vezes em que eu questionei o André H. Buss, no Windows Team, justamente qdo ele também adotava uma postura imparcial, sempre pendendo para o lado da Microsoft, quando esta não tinha razão.

Se amanhã o Tecnoblog começar mimizisses com qualquer outra cia, agindo de maneira imparcial, vou ironizar da mesma forma.

Fábio Moser

Eu não tô defendendo a Microsoft, não disse nada positivo ou negativo sobre eles, em especial sobre a compra do GitHub. Só ironizei o visível desconforto dos redatores do Tecnoblog com este assunto, nada além.

SUPREMA AUTORIDADE MÁXIMA

Boa man, fazendo meu trabalho direitinho. Sapatada nos #TechManja, Microsoft até a morte!!!

bitch

McFake Feliz!

Abraão Caldas

É um blog público, agora as pessoas precisam pedir permissão para você para responder?

tuneman

Sim, Sony e Nintendo vão falir! Hahahhahaha

Alberto Prado

Eu me referia a aquisição dos estúdios para ter os exclusivos. Pq depois que vier o streaming, não vai ter consoles né...

Ned Stark X1

Ele quis dizer em termos de jogos, e não os vídeos, os vídeos já é possível para transmissão

Gertrudes, a Lhama

Cara chato

Guilherme Barros

Esse novo serviço é para jogar os jogos por streaming. O mixer é só para transmitir

Fábio Moser

E eu pedi sua opinião?

Tori

E eu pensando que era apenas o windows team que lhe fazia mal.
Agora é certo, isso é doença.

https://uploads.disquscdn.c...

Fábio Moser

Nas entranhas do Tecnoblog paira o pensamento:
mas não tem como a gente postar algo do tipo:
- jogadores já estão pensando em ir pra concorrência
- fuga em massa de usuários do Xbox
- Sony e Nintendo atraem usuários depois do anúncio da MS

É, dessa vez não deu né?

André Macedo

Essa plataforma para streaming não é o Mixer??

Exibir mais comentários