Início » Jogos » PlayStation 5 terá ray tracing, jogos em 8K e SSD no lugar do HD

PlayStation 5 terá ray tracing, jogos em 8K e SSD no lugar do HD

Ele será um grande upgrade para o PS4, mas só será lançado a partir do ano que vem

Por
14 semanas atrás

O PS4 começa a receber os detalhes do console que o substituirá, depois do pequeno upgrade que foi feito no PS4 Pro. Ainda com suposto nome de PlayStation 5, a Sony garante que ele trará SSD no lugar do HD, suporte para resolução 8K nos jogos e os reflexos feitos pela tecnologia ray tracing.

Foto por Kenneth_Fleming/Flickr

O PlayStation 4 foi lançado em novembro de 2013 e ainda hoje roda os jogos mais recentes e sem dificuldade, mas não é raro encontrar vídeos apontando que ele já sofre bastante com downgrade visual em títulos modernos. Com quase seis anos de vida e um pequeno upgrade no meio do caminho, que trouxe o PS4 Pro e a resolução 4K para os jogos, os detalhes sobre seu sucessor começaram a aparecer e eles são generosos.

A geração seguinte do atual videogame trará as melhorias gráficas esperadas para qualquer versão nova, mas o que chama atenção é que ele será o primeiro modelo da Sony que abandona por completo o HD e coloca um SSD no lugar da memória interna. A Sony não diz qual é a fabricante do disco de estado sólido e nem mesmo suas especificações, mas afirma que ele poderá ser mais veloz do que os utilizados nos computadores atuais.

Todas as afirmações estão saindo diretamente de uma sala da Sony, na cidade americana de Foster City, em uma entrevista que a revista Wired fez com Mark Cerny, conhecido designer, programador e produtor desta indústria. Neste momento ele é o responsável pela arquitetura do novo console da empresa japonesa.

Voltando ao SSD, Cerney exibiu um comparativo do jogo Spider-Man que rodava em um PS4 Pro com HD e o kit de desenvolvimento do PlayStation 5 com um SSD. Mudar de uma área, em viagem rápida, para outra da cidade no console atual levou 15 segundos de tela de carregamento. No SSD este tempo caiu para 0,8 segundo (!!!!), ele foi quase que 19 vezes mais rápido (!!!!!).

Segundo Cerny, um número considerável de estúdios e produtoras estão com o kit de desenvolvimento para o PS5 e a Sony acelerou o aperfeiçoamento dele, o que pode ser sinal de lançamento em pouco tempo.

O processador será feito pela AMD, que já foi a responsável por criar a APU que está no PS4 e que utiliza uma arquitetura baseada em x86 de 64 bits. No caso do PS5 ela será baseada na terceira geração da linha Ryzen de 7 nm, trabalhará com oito núcleos e a GPU é uma variante da família Radeon Navi. O chip ainda tem uma unidade especial para áudio 3D, que aumentará a imersão do jogador.

Por fim, o próximo console continuará aceitando mídia física e ele terá retrocompatibilidade com todos os jogos já lançados para o PlayStation 4. Tudo isso apenas será visível para o público, em uma loja, depois deste ano – lá para 2020.

Com informações: Wired.

Participe das conversas do Tecnoblog

Leia o post inteiro antes de comentar
e seja legal com seus amiguinhos.

Carregar Comentários Conheça nossa política de comentários aqui.