Início » Brasil » Carrefour se reúne com Anatel e Ancine sobre caixinha de TV pirata

Carrefour se reúne com Anatel e Ancine sobre caixinha de TV pirata

Loja do Carrefour vendia set-top box com "gatonet" que prometia desbloquear mais de 8 mil canais de TV paga

Felipe Ventura Por

No início de maio, uma loja do Carrefour foi flagrada divulgando uma caixinha com Android que “desbloqueia mais de 8 mil canais” de TV paga. A rede varejista levou uma bronca da ABTA (Associação Brasileira de Televisão por Assinatura) sobre o “gatonet” e se reuniu com representantes da Anatel, Ancine e Polícia Federal para adotar medidas de combate à pirataria em unidades físicas e no marketplace online.

Segundo o UOL Tecnologia, um vendedor de um Carrefour no Tatuapé, zona leste de São Paulo, anunciou por microfone uma “TV box” R$ 600 que prometia liberar mais de 8 mil canais de TV paga sem precisar de assinatura, além de dar acesso a séries e filmes como Vingadores: Ultimato. Isso ocorreu em 4 de maio.

A set-top box se chama TX2 e não precisa ser necessariamente usada para pirataria: ela roda Android e permite fazer streaming de serviços como Netflix, Amazon Prime Video e YouTube Premium por meio de uma assinatura.

No entanto, o recurso de canais desbloqueados não só estava disponível na caixinha TX2, como o gatonet foi usado como um diferencial pelo vendedor no Carrefour. Em comunicado, a varejista diz que o dispositivo “tem como objetivo permitir a conexão a sites e aplicativos por uma televisão comum; a empresa repudia o uso indevido do equipamento fora desta finalidade original”.

A ABTA criticou a prática de “grandes lojas do varejo” em vender equipamentos piratas, e diz que a “guerra contra este ilícito” é uma “obrigação ética e moral de todas as empresas com a sociedade brasileira”.

Carrefour remove TV box de lojas e marketplace online

No último dia 22, o Carrefour realizou uma reunião com representantes da Anatel, Ancine e Polícia Federal para “adotar medidas para evitar a exposição, em suas lojas e no comércio eletrônico, de produtos não homologados e que promovam a pirataria de TV por assinatura”.

Segundo o Carrefour, a venda da set-top box era feita em um quiosque operado por um terceiro. A varejista diz que retirou todos os equipamentos piratas de suas lojas; e que vai repassar as orientações recebidas da Anatel e Ancine para seu fornecedores e grandes fabricantes.

A Ancine também pediu que o Carrefour retire os anúncios de aparelhos piratas do seu marketplace na internet. O Tecnoblog verificou que anúncios mencionando o termo “TV box” ainda aparecem na busca; porém, quando clicados, eles levam a uma página de erro.

Esta é a descrição que aparecia em um dos anúncios destacados acima (via cache do Google):

Agora, você se depara com uma mensagem de erro ao clicar no anúncio:

Os outros anúncios na categoria “Receptor e Transmissor de TV” no marketplace do Carrefour — sem o termo TV box — não mencionam nada sobre desbloqueio de canais. Em vez disso, essas set-top boxes prometem apenas “transformar sua TV comum numa smart TV” com acesso à Netflix, YouTube, Kodi e outros aplicativos do Android.

Claro, os desbloqueadores de canais continuam a ser vendidos na internet, como é possível ver no print abaixo do Mercado Livre; ou seja, o trabalho das agências fiscalizadoras deve continuar.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Keaton

Tecnicamente falando, esses set top boxes não são ilegais por si só... por padrão, pelo que lembro, não vem esses apps de IPTV pirata pré-instalados. Ao menos não originalmente.

Mas é engraçado, a Anatel/Anicine preferem proibir um aparelho que derrubar os apps no playstore...

Fabio Santos

O erro foi o cara anunciar ao público e incentivar a pirataria.
Nem todos saberão que isto da gambiarra e usará conforme manual.

Lao

A verdade é uma só, o problema está no preço das coisas, em um país que se ganha o mínimo que não ultrapassa nem mil reais com tantos impostos que já pagamos a tv por assinatura ficou na subjetividade e por isso ninguém quer mais pagar por algo que nem de longe é tão essencial como a comida e a gasolina por exemplo. Todo mundo faz download pirata, pega algo que não é seu e eu tô falando daquelas canetas que vc nunca devolve, é! Isso também tá errado, se achar uma grana no chão você leva para a polícia ( sem contexto democrático, apenas a grana 10...20 ...200 reais ali sem mais ninguém pra alegar nada!) ou você põe no bolso e depois de um tempo sem reclamações vc gasta ?

Tudo isso acima são situações tão ruins quanto a pirataria de canais iptv mas dentre elas, chuto uns 95% dos brazucas que dizem ser educadores morais fazem os exemplos acima e mais um pouco daquilo que podemos dizer que é errado... então faz um favor pra mim, deixa Queiroz essas matérias idiotas que pessoas idiotas ou ricas gostam de apoiar, vota lá no seu político que vai subir os impostos daqui uns tempos e pronto, o que importa na mesa é a comida o resto pode ser de "segunda" mesmo!

小岩井

Sim, mas vc consegue qualidade ainda melhor baixando as músicas de outro lugar

Rafael

Aqui também apareceu https://uploads.disquscdn.c...

Rafael

E esse anúncio aqui no Tecnoblog hein?https://uploads.disquscdn.c...

Mario Bros

Agora é a vez do Tecnoblog levar bronca? Vocês aprovaram esse ads no Adsense kkkkkk
Como isso passou pela aprovação manual do Adsense? https://uploads.disquscdn.c...

Corvo

O erro do Carrefour foi deixar o vendedor no modo "free style" pra falar caca no microfone, o aparelho tem muitas outras funções, assim como a TV Box serve pra piratear canais, um smartphone, notebook, computador de mesa e até TV Smart serve.

Leumas Ninguém

O app é pago uma única vez, daí ele é seu pra sempre (fica vinculado ao Mac da sua TV)

🧙‍♂️ Mago Erudito® ᴾᴿᴱᴹᴵᵁᴹ

Mas pq pagar mensalmente se a licença é vitalícia?

Dayman Novaes

Boa, toda lei deve ser respeitada, mesmo que imoral. Tipo na época da escravidão. Se era ilegal fugir da senzala, isso deveria acabar.

Leandro Nascimento

Pois é... conheço gente assim também, empresários. Não sei como se orgulham de usar serviço pirata. Dá vontade de mandar se foder.

Leandro Nascimento

pô, o Spotify baixa em 392... só mudar nas configs lá

Leandro Nascimento

não é porque elas têm condições que deixaram de ser picaretas. Pra mim os 16 reais do Spotify é uma grana significativa, mas prefiro pagar do que piratear.

Rodrigo T.
Exibir mais comentários