Início » Jogos » GeForce Now chega ao Brasil na quinta (14) com opção de plano grátis

GeForce Now chega ao Brasil na quinta (14) com opção de plano grátis

Serviço de streaming de jogos da Nvidia, GeForce Now vai rodar games do Steam, Epic Games e Origin direto pela nuvem

Murilo Tunholi Por

O GeForce Now chega oficialmente ao Brasil na quinta-feira (14), segundo informações do Jornal dos Jogos. Com preços que começam em R$ 44,99 por mês, o serviço de streaming de jogos da Nvidia vai rodar os games em servidores da empresa e transmitir as imagens via internet para celulares e PCs. A plataforma também terá um plano gratuito que dará acesso a títulos por tempo limitado.

GeForce Now chega ao Brasil ainda este ano (Imagem: Divulgação/Nvidia)
GeForce Now (Imagem: Divulgação/Nvidia)

Planos e preços do GeForce Now

Todos os planos do GeForce Now vão permitir o streaming de jogos, porém a assinatura gratuita será um pouco mais limitada. Em vez dos tradicionais recursos RTX mais novos da Nvidia, como Ray Tracing e DLSS, o plano grátis irá exibir gráficos GTX e terá uma fila de espera para acessar os servidores. Além disso, as sessões de gameplay serão de apenas uma hora.

Enquanto isso, nas versões pagas, os gráficos terão a maior qualidade possível com tecnologias RTX, e os usuários terão acesso prioritário aos servidores, com seis horas seguidas de jogatina disponíveis. Depois desse tempo, será preciso começar uma nova sessão do game.

Os preços do GeForce Now no Brasil começam em R$ 44,99 no plano mensal e podem chegar a até R$ 243 no plano semestral — o equivalente a R$ 40,50 por mês. Por enquanto, não há opção de assinatura anual do serviço.

GeForce Now vs. Xbox Cloud Gaming

Por mais que seja outro serviço de streaming de jogos na nuvem, o GeForce Now é diferente do Xbox Cloud Gaming em alguns pontos. Em vez de ter uma biblioteca completa disponível, como a do Xbox Game Pass, os assinantes do GeForce Now só poderão acessar títulos comprados em lojas virtuais para PC, como Steam, Epic Games Store e Origins.

Além disso, para funcionarem no GeForce Now, os jogo precisam ser compatíveis com o serviço. No site da Abya, é possível ver a lista completa de games incluídos no catálogo. Essa regra permite que títulos gratuitos sejam executados na nuvem, como Fortnite, Apex Legends, Counter-Strike: Global Offensive (CS:GO), entre outros.

Requisitos mínimos do GeForce Now

Para usar o GeForce Now será preciso baixar o aplicativo do serviço para PC ou celulares Android e iPhone (iOS). Os requisitos mínimos para cada plataforma, assim como a velocidade de internet necessária, você confere logo abaixo:

  • Velocidade de internet: 15 Mb/s para streaming em 720p a 60 quadros por segundo e 25 Mb/s para streaming em 1080p e 60 quadros por segunbdo;
  • Sistema operacional: Windows 7 ou superior com sistema de 64-bit;
  • Android: 2 GB de RAM e Android 5.0 compatível com OpenGL ES 3.2 ou superior;
  • iOS: iOS 14.2 e iPadOS 13 ou superior (rodando no Safari);

Com informações: Jornal dos Jogos.

Comentários da Comunidade

Participe da discussão
22 usuários participando

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

João M. (@RonDamon)

O futuro dos jogos, gostem ou não.

Alisson Santos (@alisson)

Alguém sabe dizer a localização dos servidores do GeForce Now? Para este tipo de serviço o mais essencial é a latência. Tenho experimentado o xCloud e considero o delay ínfimo, irrelevante, principalmente porque no controle a percepção do atraso na resposta é menor. Mas se juntar mouse e teclado + servidores distantes, talvez a experiência não seja tão satisfatória.

@ksio89

Não sei se é verdade, mas eu li que os servidores na América do Sul estão no Uruguai. Para mim que moro em Fortaleza, já é alto o ping devido aos servidores de jogos estarem em São Paulo, imagina para lá haha.

@ksio89

O Monitor de Recursos no Windows mostra o IP de cada conexão, aí depois pesquisando online dá para encontrar a localização geográfica, que deve apontar o Uruguai. Já criei uma conta, assim que o serviço for lançado amanhã testarei a versão gratuita, vamos ver quais jogos na minha biblioteca da Steam são
compatíveis.

Edgar (@edgar)

assinei hoje pra experimentar os jogos na nuvem e de tarde rodou muito bem, agora à noite cheguei em casa e fui jogar… nada. um lag absurdo, impossível de jogar.

Carlos Rodrigues (@Carlos_Rodrigues)

Eu jogo em servidores nos EUA, uso VPN para iniciar a jogatina (desligo após inicar), e é incrivelmente jogável, com esses servidores mais próximos, tenho certeza que será uma maravilha!

Mateus B. Cassiano (@mbc07)

As sessões de usuários pagantes podem durar até 6 horas e eles tem acesso prioritário na hora de iniciar uma nova sessão. Eles também ganham acesso aos servidores com as melhores especificações disponíveis. Pode não valer a pena pra você mas o preço está bem razoável pelo que é oferecido…

Gigo CAP (@GigoCAP)

Acho que serviço de stream é justamente pra quem não é um gamer hardcore. Até porque é limitado em 1080p a 60fps.

Eu acho esse tipo de serviço é pra quem tá numa viagem e quer dar uma jogadinha e talecoisa ou simplesmente quer jogar mas não investir suficientemente numa plataforma. Pra mim, por exemplo, não funcionaria de jeito nenhum como substituição aos ‘hardwares físicos’.

LekyChan (@LekyChan)

exato, a nvidia tem 21 servers só nos EUA, ai a ABYA vai e me coloca só 1 para todo o resto da américa.

LekyChan (@LekyChan)

eu me cadastrei como free justamente para testar antes de assinar realmente, mas nem testar consegui e agora quando tento entrar fala que não tenho conta, ou seja, devem ter bloqueado os free por agora para liberar espaço para pagantes.