Arquivo Curiosidades

Pesquisador propõe criação de supercomputador na Lua

Rafael Silva
Por

As melhores ofertas,
sem rabo preso

Um pesquisador da escola Viterbi de engenharia da Universidade da Carolina do Sul apresentou na semana passada uma proposta ousada. O pesquisador, chamado Ouliang Chang, apresentou durante a conferência espacial AIAA a ideia de criar um supercomputador na Lua. Esse esforço serviria para aliviar o carregamento dos supercomputadores responsáveis por controlar missões espaciais da NASA.

Chang já tinha a ideia na cabeça há algum tempo – em dezembro do ano passado ele havia elaborado essa apresentação (arquivo PDF) sobre sua proposta. Mas agora AIAA ele parece ter feito novos cálculos e aperfeiçoado seu plano original.

A ideia do pesquisador é construir um enorme datacenter com um supercomputador e grandes servidores de armazenamento em um polo da lua. Ele teria quatro antenas de transmissão e recepção, sistema de resfriamento, um gerador de pelo menos 10 megawatts e proteção contra impactos de asteroides e radiação. É um desafio e tanto, mas nas vantagens ele lista o melhor controle para missões espaciais e a possibilidade de fácil expansão dentro da própria Lua, além de aliviar o tráfego das bases terrestres.

Atualmente a DSN (Deep Space Network), rede usada para controlar as missões espaciais, está extremamente sobrecarregada. Os seus três pontos de controle espalhados pelo planeta (um nos EUA, outro na Espanha e um terceiro na Austrália) exigem constantes atualizações para manter a DSN operando sem problemas – o da Austrália está no processo de ter duas novas antenas instaladas para conseguir lidar com o enorme tráfego de dados.

Os planos de Chang, se forem adotados por alguma grande empresa nos próximos anos, estima que o supercomputador lunar pode estar operacional dentro de 10 a 15 anos. Se a DSN vai aguentar tranquilamente até lá, já é outra história.

Com informações: NewScientist.

Rafael Silva

Rafael Silva tem 27 anos, estudou Tecnologia de Redes de Computadores e mora em São Paulo. Tem uma queda pela Apple na área de dispositivos móveis, mas sempre usou Windows em todos os seus notebooks e desktops. Vez ou outra fala alguma coisa interessante no Twitter: @rafacst. [Envie um email]

Mais Populares

Responde

Relacionados

Em destaque