Windows Phone 7 não vai ter multitarefa

Thássius Veloso
Por
Nada de multitarefa.

Nada de multitarefa.

Dessa vez a Microsoft fez a lição de casa, diretamente a partir do que a escola de Cupertino manda: criou uma plataforma para dispositivos móveis que não tenta reproduzir o ambiente de um computador convencional, com direito a interface bastante amigável e inovadora. Incluíram sincronização fácil com o PC. E, num surto jobsiano, decidiram que não haverá multitarefa nos aparelhos que rodarem o sistema.

É isso mesmo: assim como no iPhone OS (não me venha falar de Jailbreak, por favor) da Apple, que não permite mais de um aplicativo funcionando simultaneamente, o Windows Phone 7 também vai capar essa funcionalidade. Exceto pelo tocador de música, que poderá ser acionado a qualquer momento, todos os outros programas da plataforma deverão ser rodados de forma individual.

O modelo iPhone, no entanto, não para por aí. Assim como no caso da concorrente, a Microsoft também optou por manter notificações de aplicativos que conectam-se permanentemente com servidores, a fim de informar sobre atualizações e novas informações ao dono do aparelho. Com isso, há a falsa impressão de multitarefa. Lembra as Push Notifications (anunciadas durante a WWDC 2009), não?

Pelo menos a Microsoft já afirmou que, conforme a plataforma móvel for melhorada (em uso de bateria e de rede e previsão de gasto de recursos de aplicativos), a multitarefa poderá ser adicionada a outros aplicativos.

[via All About Microsoft]

Relacionados

Relacionados