Arquivo Internet

Governo chinês quer lançar site de buscas

João Brunelli Moreno
Por

As melhores ofertas,
sem rabo preso

Duas estatais chinesas anunciaram nesta quinta-feira um acordo para a criação de um novo site de buscas que terá como ingrata missão superar o líder local Baidu (70%) e o onipresente Google (24,5%) no mercado de buscas pela web no país.

Por ora atendendo pelo pomposo nome de Search Engine New Media Communications Co. o novo site será uma criação da China Mobile, maior e mais valiosa operadora de telefonia do mundo com seus 508 milhões de assinantes, e a rede de notícias Xinhua News. “Os mecanismos de busca têm uma grande capacidade de integrar as pessoas e um importante papel em disseminar informações que influenciam a opinião pública. O novo site ajudará a China a proteger informações e oferecer um robusto, saudável e ordenado desenvolvimento para as empresas de mídia local”, afirma Zhou Xisheng, presidente da Xinhua, no comunicado que anuncia a parceria.

Para alguns especialistas, ainda não está claro como será a forma que esta nova empresa irá trabalhar. “O projeto pode ser apenas uma maneira de se realizar buscas do conteúdo da Xinhua por dispositivos móveis”, afirma o analista Liu Ning, da empresa de análise de mercado DBA, que completa afirmando que “nos desktops, não acredita que eles terão força o suficiente para combater líderes como o Baidu ou Google”.

As dores de cabeça do governo chinês com mecanismos de busca se iniciaram logo no começo do ano, quando o Google anunciou seus planos de deixar de censurar a web para os navegantes do país, mesmo sob pena de encerrar suas atividades por lá – o que acabou não acontecendo. Mesmo simpático ao comando do país, as desconfianças contra o Baidu se motivam principalmente por ele ser uma empresa de capital privado, e, portanto, menos “controlável”.

Com informações de Business Insider e Bloomberg

João Brunelli Moreno

Formado em comunicação e jornalismo pela Universidade Metodista de Piracicaba, João Brunelli Moreno é redator, blogueiro, roteirista e produtor de conteúdo. Venceu mais de 100 prêmios de publicidade, incluindo o 40° Profissionais do Ano realizado em 2018. Foi autor no Tecnoblog entre 2009 e 2012 cobrindo assuntos relacionados a gadgets, computadores, Apple, Google, Microsoft, entre outros.

Mais Populares

Responde

Relacionados

Em destaque