Não é sempre que o Twitter divulga alguma informação interna sobre seu número de usuários ou quantidade de acessos, algo que acaba sendo estimado por analistas da indústria ou sites terceirizados. Hoje, seu CEO Dick Costolo reuniu a imprensa americana para divulgar números mais recentes, além de outras informações sobre como ele funciona. E mais uma vez os números surpreenderam.

Usuários em milhões, tweets em bilhões. Hoje o Twitter tem mais de 100 milhões de usuários ativos por mês. 40% deles não postaram nada no último mês e 55% deles usam alguma interface móvel para publicar seus tweets, seja por meio de aplicativos próprios em determinadas plataformas ou por meio do navegador dos smartphones. Já o número de tweets impressiona: a cada 5 dias, 1 bilhão de tweets são publicados.

Home, sweet home. Apesar de muitos usarem aplicativos para acessar o Twitter, a grande maioria esmagadora dos usuários ainda acessa a versão web. A sua página inicial, segundo dados do Google Analytics, tem cerca de 400 milhões de visitantes únicos por mês atualmente. Em janeiro desse ano esse número era de 250 milhões.

A parcela dos testes. Sempre que uma nova funcionalidade é lançada no Twitter, eles testam com uma pequena parcela dos usuários antes de habilitar para todo mundo. Qual a parcela? Primeiro com 2%, depois com 5% se não houverem maiores problemas. Só depois, com todas as arestas aparadas, eles liberam para 100% dos usuários.

O que vem por aí. O Twitter também divulgou que a equipe de produtos está focada em três coisas agora: tornar a interface mais uniforme em todas as plataformas, melhorar o loop de feedback (o sistema que avisa de favoritos ou quando alguém que você conhece se inscreve no Twitter) e fazer aparecer mais o conteúdo relevante para os usuários.

Receba mais notícias do Tecnoblog na sua caixa de entrada

* ao se inscrever você aceita a nossa política de privacidade
Newsletter
Rafael Silva

Rafael Silva

Ex-autor

Rafael Silva estudou Tecnologia de Redes de Computadores e mora em São Paulo. Como redator, produziu textos sobre smartphones, games, notícias e tecnologia, além de participar dos primeiros podcasts do Tecnoblog. Foi redator no B9 e atualmente é analista de redes sociais no Greenpeace, onde desenvolve estratégias de engajamento, produz roteiros e apresenta o podcast “As Árvores Somos Nozes”.

Canal Exclusivo

Relacionados