Início / Notícias / Antivírus e Segurança /

Hacker invade câmera Amazon Ring de casa e assusta menina de 8 anos

Alyssa ficou apavorada quando uma voz desconhecida começou a sair da câmera Ring de seu quarto

Emerson Alecrim

Por

Notícia
Achados do TB Achados do TB

As melhores ofertas,
sem rabo preso 💰

Sistemas de câmeras são uma forma de deixar pais que estão no trabalho mais tranquilos, afinal, eles podem monitorar os filhos remotamente. Mas é preciso estar ciente dos riscos: no início do mês, um hacker invadiu um câmera Amazon Ring de uma casa no Mississippi (EUA) e aterrorizou uma menina de oito anos chamada Alyssa.

Câmera Ring - invasão

Ashley LeMay, mãe da criança, disse à CNN que a câmera Ring foi comprada em uma promoção de Black Friday e havia sido instalada apenas quatro dias antes do incidente, ocorrido em 4 de dezembro.

Inicialmente, Alyssa pensou que a sua irmã estava tocando uma música no quarto delas, mas, na verdade era o invasor que havia começado a reproduzir uma estranha música (pelo menos para a ocasião) chamada Tiptoe Through the Tulips na câmera Ring.

Intrigada, Alyssa entra no quarto e, instantes depois, o hacker diz “olá”. Na sequência, a música volta a ser reproduzida. A música para novamente e o invasor começa a insultar a garota. Alyssa pergunta “quem é?”. O hacker responde “eu sou o seu melhor amigo” e diz “você pode fazer o que quiser agora; você pode bagunçar o seu quarto, pode quebrar a TV, pode fazer o que quiser”.

Apavorada, a menina chama por sua mãe (que não estava em casa) e novamente pergunta “quem é?”. O invasor diz repetidas vezes que é Papai Noel.

Por fim, a menina sai do quarto. Um pouco mais tarde, o pai de Alyssa, que estava na residência, perguntou a Ashley LeMay se ela havia mexido na câmera. Ao verificar o aplicativo do sistema, a mulher descobriu a invasão.

Procurada pela família, a Ring respondeu que não encontrou sinais de invasão aos seus sistemas e deu a entender que o ataque aconteceu pelo uso de uma senha fraca — Ashley LeMay chegou a ser questionada pela empresa sobre não ter usado autenticação em dois fatores.

A pior parte é que esse não é um caso isolado. É crescente o número de relatos de famílias que passaram por situação semelhante. A Motherboard descobriu inclusive que hackers desenvolveram um software específico para invasão de câmeras de segurança da Ring.

Câmera Ring indoor

Em nota, a empresa reafirmou que seus sistemas não estão comprometidos, mas que está investigando o problema. A empresa reforçou a recomendação de uso de senhas fortes e da autenticação em dois fatores pelos seus clientes.

A Ring é uma empresa especializada em interfones e câmeras inteligentes, negócio que vem crescendo a passos largos em várias partes do mundo. Não é por acaso que, no início de 2018, a Amazon desembolsou mais de US$ 1 bilhão para se tornar dona da companhia.