Notícias Celular

Netflix vai transmitir filmes do Studio Ghibli a partir de fevereiro

A Viagem de Chihiro e Meu Amigo Totoro estão entre as estreias do Studio Ghibli na Netflix

Emerson Alecrim
Por

As melhores ofertas,
sem rabo preso

Fevereiro vai ser um mês interessante para os assinantes da Netflix: a companhia anunciou, nesta segunda-feira (20), a aquisição dos direitos para disponibilizar 21 filmes do Studio Ghibli. Isso significa que animações como A Viagem de Chihiro, Meu Amigo Totoro e Princesa Mononoke passarão a fazer parte do acervo da plataforma.

Netflix + Studio Ghibli

Cofundado em 1985 por Hayao Miyazaki — um dos mestres da animação japonesa —, o Studio Ghibli é conhecido mundialmente pela alta qualidade de suas animações.

As obras da companhia cativam pessoas do mundo todo por apresentar histórias criativas e tocantes. Cheia de simbolismos e com personagens marcantes, A Viagem de Chihiro é, certamente, a produção mais aclamada do estúdio.

Até pouco tempo atrás, o Studio Ghibli resistia à ideia de disponibilizar suas obras em formato digital. Essa postura começou a ser deixada de lado no ano passado, quando a empresa fechou um contrato que permite a distribuição digital das suas produções nos Estados Unidos via HBO Max.

O acordo com a Netflix prevê a disponibilização das 21 obras em escala global, com exceção para o Canadá, Estados Unidos e Japão. Nos demais países em que a Netflix está presente, os filmes do Studio Ghibli seguirão o cronograma de lançamentos abaixo (repare que são sete filmes por mês).

Filmes que chegam a partir de 1º de fevereiro:

  • O Castelo no Céu
  • Meu Amigo Totoro
  • O Serviço de Entregas da Kiki
  • Only Yesterday (Omohide Poro Poro)
  • Porco Rosso: O Último Herói Romântico
  • Ocean Waves (Umi ga Kikoeru)
  • Contos de Terramar

A partir de 1º março:

  • Nausicaä do Vale do Vento
  • Princesa Mononoke
  • Meus vizinhos, Os Yamadas
  • A Viagem de Chihiro
  • O Reino dos Gatos
  • O Mundo dos Pequeninos
  • O Conto da Princesa Kaguy

A partir de 1º de abril:

  • Pom Poko: A Grande Batalha dos Guaxinins,
  • Sussurros do Coração
  • O Castelo Animado
  • Ponyo: Uma Amizade que Veio do Mar
  • Da Colina Kokuriko
  • Vidas ao Vento
  • As Memórias de Marnie

YouTube video

Quem conhece bem as obras do Studio Ghibli deve ter notado que, infelizmente, Túmulo dos Vagalumes ficou de fora desse acordo. A razão disso é que, apesar de ter produzido essa obra-prima, o Studio Ghibli não detém os seus direitos de distribuição.

A Netflix já confirmou que os 21 filmes estarão disponíveis na versão brasileira da plataforma. Só não ficou claro ainda se a ordem de lançamentos seguirá o cronograma internacional (muito provavelmente, sim).

Emerson Alecrim

Repórter

Emerson Alecrim cobre tecnologia desde 2001 e entrou para o Tecnoblog em 2013, se especializando na cobertura de temas como hardware, sistemas operacionais, negócios e transportes. Formado em ciência da computação, seguiu carreira em comunicação, sempre mantendo a tecnologia como base. Participa do Tecnocast, já passou pelo TechTudo e mantém um site chamado Infowester.

Mais Populares

Responde

Relacionados

Em destaque