Galaxy S21 não vai funcionar com relógios Gear antigos

Samsung Galaxy S21 e demais celulares da Samsung lançados no ano que vem não terão suporte a relógios Galaxy Gear antigos

Bruno Gall De Blasi
Por
• Atualizado há 2 anos

Relógios Samsung Galaxy Gear antigos não irão funcionar no Galaxy S21. De acordo com uma notificação enviada aos usuários do app Samsung Members, dispositivos como o Galaxy Gear, Galaxy Gear 2, entre outros, não serão compatíveis com celulares da Samsung lançados em 2021. O suporte aos smartphones atuais está mantido.

Samsung Galaxy Gear (Imagem: Tecnoblog)

Samsung Galaxy Gear (Imagem: Tecnoblog)

Galaxy Gear antigos não funcionarão no Galaxy S21

“A qualidade de serviço existente de wearables Samsung Gear mais antigos não pode ser garantida e assegurada apenas por meio de atualizações de aplicativos”, diz a notificação. “Portanto, wearables Samsung Gear mais antigos não podem mais ser usados em conjunto com novos smartphones Samsung (a partir do ano de lançamento 2021)”.

Segundo a Samsung, estes dispositivos não terão suporte em celulares da companhia lançados no ano que vem, como é o caso dos possíveis Galaxy S21 e Galaxy Z Fold 3:

  • Galaxy Gear (lançado em 2013);
  • Galaxy Gear 2 (lançado em 2014);
  • Galaxy Gear 2 Neo (lançado em 2014);
  • Galaxy Gear S (lançado em 2014);
  • Galaxy Gear Fit (lançado em 2014).

O suporte será mantido aos celulares Samsung Galaxy lançados até 2020, como o Samsung Galaxy S20, S10, Note 20, Note 10, entre outros. Além disso, dispositivos da família Galaxy Gear mais recentes, como o Galaxy Gear 3 Neo e o Galaxy Gear S2, por ora, permanecem compatíveis com os próximos smartphones da marca sul-coreana.

Com informações: Android Authority e SamMobile

Receba mais notícias do Tecnoblog na sua caixa de entrada

* ao se inscrever você aceita a nossa política de privacidade
Newsletter
Bruno Gall De Blasi

Bruno Gall De Blasi

Ex-autor

Bruno Gall De Blasi é jornalista e cobre tecnologia desde 2016. Sua paixão pelo assunto começou ainda na infância, quando descobriu "acidentalmente" que "FORMAT C:" apagava tudo. Antes de seguir carreira em comunicação, fez Ensino Médio Técnico em Mecatrônica com o sonho de virar engenheiro. Escreveu para o TechTudo e iHelpBR. No Tecnoblog, atuou como autor entre 2020 e 2023.

Canal Exclusivo

Relacionados