Galaxy S8 não terá assistente de voz Bixby no lançamento

Paulo Higa
Por
• Atualizado há 1 mês
Bixby

O assistente de voz Bixby, um dos recursos mais divulgados pela Samsung na apresentação do Galaxy S8, não estará disponível no lançamento do smartphone, nem mesmo em inglês. O Bixby Voice era mais uma opção para concorrer com Siri, Google Assistant, Cortana e Alexa, e futuramente estará presente em outras linhas de produtos da fabricante coreana.

A informação foi confirmada pela Samsung nesta semana, mas já havia suspeitas de que o recurso não apareceria tão cedo: nas unidades de demonstração do Galaxy S8 no evento de lançamento em Nova York, no qual estivemos presentes, o Bixby ainda não suportava comandos de fala. De acordo com a empresa, nos Estados Unidos, o assistente de voz será lançado até o final do segundo trimestre.

Por enquanto, o Bixby terá apenas o recurso Bixby Home, uma tela semelhante ao Google Now que mostra informações de calendário, trânsito, notícias e saúde (acessível por meio do botão dedicado na lateral); e o Bixby Vision, que pode ler fotos da câmera para identificar onde comprar um item, exibir informações de vinhos, analisar QR Codes e traduzir texto.

Na primeira leva, o Bixby entenderá comandos de voz em inglês e coreano. A Samsung afirma ao Tecnoblog que o suporte ao português do Brasil está nos planos, sem informar uma previsão de lançamento. O Bixby Home e determinadas integrações do Bixby Vision deverão funcionar desde o primeiro dia no mercado brasileiro.

Receba mais notícias do Tecnoblog na sua caixa de entrada

* ao se inscrever você aceita a nossa política de privacidade
Newsletter
Paulo Higa

Paulo Higa

Ex-editor executivo

Paulo Higa é jornalista com MBA em Gestão pela FGV e uma década de experiência na cobertura de tecnologia. No Tecnoblog, atuou como editor-executivo e head de operações entre 2012 e 2023. Viajou para mais de 10 países para acompanhar eventos da indústria e já publicou 400 reviews de celulares, TVs e computadores. Foi coapresentador do Tecnocast e usa a desculpa de ser maratonista para testar wearables que ainda nem chegaram ao Brasil.

Canal Exclusivo

Relacionados