O Google anunciou nessa quinta-feira (27) que a partir de 1º de novembro o Google Apps (suíte de escritório que existe dentro do Google Drive, que costumava atender pelo nome de Docs) deixará de ser compatível com os antigos formatos dos Microsoft Office 97-2003. Isso significa que na próxima segunda-feira o serviço deixará de exportar documentos com formatos .doc, .ppt e .xls.

O anúncio foi feito sem muito alarde em um blog do gigante da web. “A função integrada do Google Docs em exportar arquivos para o Microsoft Office apenas dará a opção de baixar formatos modernos do Office (.docx para o Word, .xlsx para Excel e .pptx para PowerPoint) no lugar dos formatos antigos”, diz o post. Já a função de importar e ler os antigos formatos será mantida.

Aos que insistem em ainda usar as versões antigas do programa, o Google recomenda baixar um plugin de compatibilidade que faz os programas reconhecerem os novos formatos.

Não tem mais .doc na exportação de documentos
Não tem mais .doc na exportação de documentos

Não foram apresentados os motivos que fizeram o Google a deixar tal compatibilidade para trás. De acordo com um site chamado Betanews, ao saber da decisão um funcionário da Microsoft ligado ao desenvolvimento do Office 360 afirmou que “dia 1º de novembro será o dia do champanhe”, em referência ao fato de que a partir da data o serviço da MS Office.com terá uma compatibilidade inexistente em seu concorrente, o que poderá pesar na hora de angariar novos usuários.

Na condição de usuário hardcore do Google Docs, confesso esrae relativamente decepcionado com a decisão. Uma das grandes vantagens do serviço sempre foi a ampla compatibilidade com as mais variadas versões de softwares, o que sempre foi um belo diferencial. Ainda que programas compatíveis com os formatos mais novos hoje sejam maioria, infelizmente não é possível obrigar certas pessoas – às vezes, órgãos governamentais – a instalarem novos softwares em seus computadores.

Nós fizemos o teste no Google Docs usado pelo Tecnoblog. Curiosamente, a ferramenta de exportação só permitia salvar um documento de texto como .docx. Parece que mudança chegou antes da hora.

Com informações: Register

Receba mais notícias do Tecnoblog na sua caixa de entrada

* ao se inscrever você aceita a nossa política de privacidade
Newsletter
João Brunelli Moreno

João Brunelli Moreno

Ex-redator

Formado em comunicação e jornalismo pela Universidade Metodista de Piracicaba, João Brunelli Moreno é redator, blogueiro, roteirista e produtor de conteúdo. Venceu mais de 100 prêmios de publicidade, incluindo o 40° Profissionais do Ano realizado em 2018. Foi autor no Tecnoblog entre 2009 e 2012 cobrindo assuntos relacionados a gadgets, computadores, Apple, Google, Microsoft, entre outros.

Canal Exclusivo

Relacionados