Microsoft Surface Pro X tem chip baseado no Snapdragon 8cx Gen 2

Notebook Surface Pro X foi atualizado para trazer o Microsoft SQ2, processador baseado no Snapdragon 8cx Gen 2

Emerson Alecrim
Por
• Atualizado há 2 anos e 5 meses
Microsoft Surface Pro X

Há um ano, a Microsoft anunciava o Surface Pro X, notebook equipado com um chip baseado no Snapdragon 8cx. Nesta quinta-feira (1), a linha foi atualizada. A principal mudança está na adoção de um processador baseado na segunda geração do chip da Qualcomm, chamado de Snapdragon 8cx Gen 2.

Antes de prosseguirmos, convém contextualizar. O Qualcomm Snapdragon 8cx Gen 2 não é um produto final, por assim dizer, mas um chip que serve de base para projetos específicos de fabricantes.

O Surface Pro X de primeira geração é equipado com o processador Microsoft SQ1 que, por sua vez, tem como base a primeira versão do Snapdragon 8cx. No começo de setembro, a Qualcomm anunciou o Snapdragon 8cx Gen 2, como o nome sugere, a segunda geração do chip.

Pois bem, o Snapdragon 8cx Gen 2 é a base do Microsoft SQ2, processador que comanda o novo Surface Pro X.

Microsoft Surface Pro X

Em termos funcionais, praticamente não há mudanças na linha. As versões com Microsoft SQ2 continuam trazendo tela sensível a toques de 13 polegadas com 2880×1920 pixels (PixelSense), 8 GB ou 16 GB de RAM e SSD de 128 GB a 512 GB.

Tampouco há mudanças no design. No visual, a única novidade é o acréscimo de uma versão na cor platina. Também há três novas opções de cores para o teclado acoplável Surface Pro X Keyboard: “platinum”, “poppy red” e “ice blue”.

Na conectividade, o laptop continua oferecendo duas portas USB-C, Wi-Fi 802.11ac, Bluetooth 5.0 e LTE, apesar de o Snapdragon 8cx Gen 2 poder trabalhar com Wi-Fi 6 (802.11ax), Bluetooth 5.1 e 5G.

Microsoft Surface Pro X

O que muda do SQ1 para o SQ2, então? A Microsoft não entrou em detalhes, mas, provavelmente, há apenas algum ganho de desempenho, embora não seja prudente esperar por mudanças perceptíveis nesse aspecto: o Snapdragon 8cx Gen 2 não apresenta grande ganho de performance em relação ao chip de primeira geração.

Vale mencionar que o notebook tem bateria com autonomia de até 15 horas. Essa é a principal vantagem do uso de um chip de arquitetura ARM em laptops com Windows. A desvantagem está na dificuldade de execução de determinados softwares na plataforma.

Apesar da atualização, o Surface Pro X lançado em 2019 continua sendo comercializado. Nos Estados Unidos, os preços são estes:

  • Surface Pro X com SQ1 (8 GB + 128 GB): US$ 999,99
  • Surface Pro X com SQ1 (8 GB + 256 GB): US$ 1.299,99
  • Surface Pro X com SQ2 (16 GB + 256 GB): US$ 1.499,99
  • Surface Pro X com SQ2 (16 GB + 512 GB): US$ 1.799,99

Você já sabe, mas só para reforçar: não há previsão de comercialização do Surface Pro X no Brasil.

Receba mais notícias do Tecnoblog na sua caixa de entrada

* ao se inscrever você aceita a nossa política de privacidade
Newsletter
Emerson Alecrim

Emerson Alecrim

Repórter

Emerson Alecrim cobre tecnologia desde 2001 e entrou para o Tecnoblog em 2013, se especializando na cobertura de temas como hardware, sistemas operacionais e negócios. Formado em ciência da computação, seguiu carreira em comunicação, sempre mantendo a tecnologia como base. Em 2022, foi reconhecido no Prêmio ESET de Segurança em Informação. Em 2023, foi reconhecido no Prêmio Especialistas, em eletroeletrônicos. Participa do Tecnocast, já passou pelo TechTudo e mantém o site Infowester.

Canal Exclusivo

Relacionados