SP lança app de aulas à distância para alunos da rede estadual

O aplicativo Centro de Mídias SP será usado por alunos durante a pandemia do novo coronavírus

Victor Hugo Silva
Por
• Atualizado há 2 anos e 5 meses
Aplicativo Centro de Mídias SP

O governo de São Paulo apresentou o aplicativo que será usado pelos alunos da rede estadual durante a pandemia do novo coronavírus. O Centro de Mídias SP, como é chamado, oferece transmissões ao vivo de aulas e grupos para cada disciplina, onde os estudantes podem interagir com professores.

Disponível para Android e iOS, o aplicativo começará a ser usado em 22 de abril, quando o calendário escolar será retomado. No entanto, os alunos já podem se familiarizar com a ferramenta por meio de aulas de reforço e testes.

Para ter acesso ao aplicativo, os estudantes precisarão fazer o login com os dados usados na Secretaria Escolar Digital. A expectativa do governo é que o Centro de Mídias SP seja utilizado por cerca de 3,5 milhões de estudantes.

Os canais oferecidos no aplicativo são voltados para estudantes do 6º ano do ensino fundamental à 3ª série do ensino médio. Segundo o governo de São Paulo, o objetivo é fazer com que a plataforma seja usada pelo maior número possível de estudantes

Para isso, a Secretaria de Estado de Educação de São Paulo firmou contratos com Claro, Vivo, Oi e Tim, que oferecerão franquia grátis para o aplicativo. Com a decisão, o serviço estará disponível mesmo para alunos que não tiverem créditos.

O Centro de Mídias SP tem o apoio do Amazon Web Services, que oferecerá sem custos, a estrutura de para permtir a transmissão das aulas. O serviço será disponibilizado em conjunto com a Prodesp (Companhia de Processamento de Dados do Estado de São Paulo).

TV Cultura terá canal para transmitir aulas

Os alunos dos anos iniciais terão as aulas a distância por meio de um material impresso. Ele será usado para acompanhar as aulas transmitidas pelo novo canal da TV Cultura, emissora mantida pelo governo de São Paulo.

As aulas serão exibidas na TV Cultura Educação, voltada justamente para exibir conteúdos escolares na pandemia do novo coronavírus. Disponível no canal digital 2.3, até então conhecido como Multicultura, o canal terá aulas ao vivo de professores da rede estadual.

As aulas em São Paulo estão suspensas desde 23 de março e continuarão assim ao menos até 22 de abril, novo prazo para o fim do isolamento em São Paulo. O governo estadual afirma que, após a reabertura das escolas, o app continuará sendo usado como complemento às aulas presenciais.

Com informações: G1, Governo de São Paulo.

Receba mais notícias do Tecnoblog na sua caixa de entrada

* ao se inscrever você aceita a nossa política de privacidade
Newsletter
Victor Hugo Silva

Victor Hugo Silva

Ex-autor

Victor Hugo Silva é formado em jornalismo, mas começou sua carreira em tecnologia como desenvolvedor front-end, fazendo programação de sites institucionais. Neste escopo, adquiriu conhecimento em HTML, CSS, PHP e MySQL. Como repórter, tem passagem pelo iG e pelo G1, o portal de notícias da Globo. No Tecnoblog, foi autor, escrevendo sobre eletrônicos, redes sociais e negócios, entre 2018 e 2021.

Canal Exclusivo

Relacionados