Tumblr prepara mudanças após rombo de US$ 100 milhões

Rede social deve reduzir as equipes de produtos e marketing no início de 2024. CEO de empresa dona da plataforma cita uma estratégia “menor e focada”

Lupa Charleaux
Por
Logotipo do Tumblr
Tumblr terá uma operação mais enxuta para contornar os gastos (Imagem: Vitor Pádua/Tecnoblog)

O Tumblr passará por grandes mudanças internas na virada para 2024. Um comunicado interno da Automattic, empresa que adquiriu a rede social em 2019, indica que a plataforma seguirá uma estratégia “menor e focada” a partir do próximo ano.

A mensagem com o título “Ou você ganha, ou você aprende” destaca que os esforços desde a aquisição da plataforma não trouxeram os resultados esperados. Então, grande parte da equipe de produtos e marketing serão “remanejados para outras divisões”.

Página Quem Somo do Tumblr
Desde 2019, Tumblr tenta atrair de volta os antigos usuários (Imagem: Reprodução/Tumblr)

O comunicado interno do Tumblr veio a público em uma publicação feita por Andy Baio do Waxy.org na última quinta-feira (9). Mais tarde, Matt Mullenweg, CEO da Automattic e da rede social, confirmou o teor da mensagem e comentou alguns pontos.

Conforme o executivo, a plataforma atuou nos últimos quatro anos com cerca de 200 colaboradores em tempo integral. Entretanto, o site tem um custo de mais de US$ 100 milhões acima da própria receita.

Mullenweng diz que as equipes estão realizando um excelente trabalho, mas o Tumblr não obteve o lucro esperado. Dessa maneira, a plataforma será obrigada a atuar de forma mais “tranquila e eficiente” com times menores.

“Isso é triste, mas também quero reconhecer o esforço de todos que tentaram e deram o seu melhor”, declarou o CEO. Conforme as informações, as mudanças internas devem acontecer até o final deste ano.

Matt Mullenweg, criador do WordPress e CEO do Tumblr
Matt Mullenweg, CEO do Tumblr e fundador do WordPress, comentou as dificuldades financeiras da rede social (Imagem: Divulgação/Matt Mullenweg)

História do Tumblr até aqui

O Tumblr foi criado pela dupla David Karp e Marco Arment no início de 2007. Logo, o microblog com suporte para texto, imagens, áudio e vídeo se tornou um sucesso entre usuários de diferentes idades.

A rede social foi adquirida pelo Yahoo por US$ 1,1 bilhão em 2013. Contudo, analistas citam que a negociação foi uma “hemorragia de dinheiro” para empresa de comunicação que apenas recuperou US$ 482 milhões do valor investido até 2016.

Em 2017, o Tumblr passou a fazer parte da Verizon após a gigante norte-americana das telecomunicações adquirir o Yahoo por US$ 4,48 bilhões. Então, a nova direção decidiu proibir conteúdo adulto, material que era comum na rede social. O resultado foi uma ampla queda nos acessos e, por consequência, na arrecadação.

A Verizon vendeu o Tumblr para a Automattic, empresa dona do WordPress, pelo suposto valor de US$ 3 milhões em 2019. Desde então, a plataforma tenta reconquistar o antigo público – e atrair os órfãos do Twitter – com diferentes ações. Entre elas, o retorno de imagens de “nudez artística” a partir de 2022.

Com informações: ArsTechnica

Relacionados