Walmart busca especialista em criptomoedas e pode aceitá-las em pagamentos

Walmart segue Amazon e busca profissional para liderar atividades com criptomoedas; empresa poderia aceitar pagamentos com bitcoin (BTC) no futuro

Bruno Ignacio
Por
• Atualizado há 2 anos e 3 meses
Walmart (Imagem: Mike Mozart/ Flickr)

O Walmart está buscando um novo diretor sênior para desenvolver produtos relacionados a moedas digitais, como revelou uma nova vaga de emprego publicada pela empresa nesta semana. Pela descrição do cargo, entende-se que a companhia possivelmente irá aderir aos pagamentos com criptomoedas, ou até mesmo desenvolver algum tipo próprio de token.

De acordo com a página do Walmart Careers, o próximo diretor sênior da empresa atuará como o “líder de produto de moeda digital e criptomoeda” da companhia, sendo também encarregado de “desenvolver as estratégias com moedas digitais e o roteiros de produtos”. Entre outras responsabilidades, a lista diz que essa nova função também estará focada em “identificar investimentos e parcerias relacionadas a ativos digitais”, sugerindo que o Walmart também pode comprar sua entrada em negócios de criptomoedas preexistentes.

Walmart se prepara para economia com criptomoedas

Trata-se de uma movimentação esperada de todas as grandes varejistas e marketplaces do mundo conforme as criptomoedas se tornam cada vez mais presentes e populares. O Walmart agora parece estar seguindo os mesmo passos da Amazon, que também publicou recentemente uma vaga buscando um especialista em moedas digitais para o “desenvolvimento e aplicação de criptomoedas”.

Na época, o rumor de que a Amazon poderia começar a aceitar pagamentos em bitcoin fez com que a moeda digital disparasse 15% em pouquíssimo tempo. Contudo, não há nenhuma confirmação e a própria empresa já desmentiu que tenha planos concretos para tal. Porém, a contratação de um especialista em criptomoedas abre muitas portas.

O caso do Walmart não é diferente. Embora a empresa ainda não tenha se pronunciado sobre ter ou não planos de implementar criptomoedas em seu sistema de pagamentos, ela certamente demonstra um interesse no setor cripto. A própria tecnologia por trás das moedas digitais, o blockchain, pode ser usada para uma infinidade de coisas, desde segurança e autenticação de pessoas e produtos até NFTs, tokens não fungíveis.

Com informações: Bloomberg

Receba mais notícias do Tecnoblog na sua caixa de entrada

* ao se inscrever você aceita a nossa política de privacidade
Newsletter
Bruno Ignacio

Bruno Ignacio

Ex-autor

Bruno Ignacio é jornalista formado pela Faculdade Cásper Líbero. Cobre tecnologia desde 2018 e se especializou na cobertura de criptomoedas e blockchain, após fazer um curso no MIT sobre o assunto. Passou pelo jornal japonês The Asahi Shimbun, onde cobriu política, economia e grandes eventos na América Latina. No Tecnoblog, foi autor entre 2021 e 2022. Já escreveu para o Portal do Bitcoin e nas horas vagas está maratonando Star Wars ou jogando Genshin Impact.

Canal Exclusivo

Relacionados