Roteador é aquele dispositivo que você normalmente não dá tanta atenção: você compra e simplesmente esquece que existe, a não ser na hora de xingar quando há falta de sinal ou travamento. Não é todo dia que você encontra um review de um roteador aqui no Tecnoblog, mas topei esse desafio e vou escrever sobre um pequenino dispositivo que é bastante curioso: o D-Link DIR-505. Ele é bem portátil e promete funcionar como roteador, repetidor e até mesmo como antena Wi-Fi.

Aparência

dir-505-wps

O DIR-505 é tão pequeno que você pode carregá-lo na mochila sem nem notá-lo. Ele dispensa cabo de alimentação, o que é muito importante para a mobilidade e suficientemente discreto para não ser visto na sua casa. Quem vê o roteador ligado na tomada imagina que é um carregador de celular. Esse formato, que dispensa cabos, lembra bastante a geração anterior da AirPort Express.

dir-505-airport

Configurando o roteador

O DIR-505 tem três modos de conexão: roteador, repetidor e Wi-Fi Hotspot.

dir-505-modos

O roteador é o mais básico: você liga o aparelho junto ao modem da sua conexão banda larga e conecta o seu computador ao dispositivo via Wi-Fi. Ao tentar navegar, surge a página de configuração, onde o roteador identificará automaticamente seu tipo de conexão e permitirá que você escolha o nome para a sua rede e uma senha. Dentro de poucos segundos a rede Wi-Fi já está criada e pronta para uso.

dir-505-setup

Como esse é um roteador com um grande foco em mobilidade, a D-Link disponibiliza um app para iOS e Android onde é possível configurar o roteador. Tudo bem fácil, tudo bem simples.

Já o modo repetidor é capaz de amplificar o sinal de uma rede Wi-Fi já existente em sua casa. Isso é perfeito: minha casa é grande e o sinal da rede Wi-Fi não chegava até a cozinha, que fica em uma casa externa da principal. Coloquei o roteador na área e passei a repetir o pouco do sinal que chegava até ali. Isso trouxe conectividade a uma área que era completamente offline, uma vez que é completamente inviável passar cabos e o sinal de celular no lugar é bem fraco.

Para configurar o modo repetidor no DIR-505, basta alternar a chave para o modo correspondente e pareá-lo junto ao seu roteador principal. O requisito é que ele seja compatível com autenticação WPS. Basta pressionar o botão WPS no seu roteador e, em seguida, pressioná-lo no DIR-505 por 5 segundos. O triste da exigência de WPS é exatamente ter acesso físico ao roteador Wi-Fi: seria bem legal se o DIR-505 fosse capaz de repetir qualquer rede como outros roteadores. Isso seria útil para repetir redes de hotéis, por exemplo, que normalmente possuem sinal fraco no quarto.

dir-505-conexoes

Por fim, o modo Hotspot Wi-Fi traz ao DIR-505 a funcionalidade de antena Wi-Fi. Ele se conecta a uma rede sem fio já existente e leva o acesso à rede por meio de cabo. Isso torna possível conectar desktops, televisões e home theaters ou quaisquer dispositivos que não possuem conectividade com rede sem fio.

O DIR-505 também traz uma porta USB integrada para que você ligue um dispositivo de armazenamento (como um HD externo ou um pendrive) e compartilhe os arquivos na rede. Nos testes realizados, o compartilhamento não é identificado pelo OS X nem pelo Windows, o que é uma pena. Para visualizar e modificar os arquivos, é necessário acessar uma aplicação pelo navegador.

SharePort Web Access, onde se controla os arquivos no DIR-505

SharePort Web Access, onde se controla os arquivos no DIR-505. É bem limitado.

O foco é o compartilhamento de mídia, embora seja possível manusear qualquer tipo de arquivo. Uma pena que ele não possua integração com o sistema operacional. Seria legal se o roteador também aproveitasse essa porta USB para compartilhar uma impressora ou mesmo para conectar um modem 3G ou 4G: já que ele é tão portátil assim, utilizar um roteador desses compartilhando conexões móveis seria o ideal para quem precisa montar suas estações de trabalho em ambientes remotos com certa frequência.

Velocidade, sinal e latência

Eis um grande problema do DIR-505. Mesmo sendo um roteador com o padrão 802.11n, as velocidades de transferências são baixas e podem desagradar caso você pretenda fazer uso constante de transferência de arquivos. A velocidade média de transferência por meio de rede Wi-Fi é de 3,9 MB/s, o que dá 31 Mb/s, bem diferente dos teóricos 150 Mb/s informados pelo padrão. Isso torna impraticável utilizar o DIR-505 como roteador principal para quem tem conexões de mais de 30 Mb/s, que é o meu caso.

Utilizando o dispositivo na opção Hotspot Wi-Fi, as taxas já foram um pouco mais animadoras: conectado à minha rede que utiliza um AirPort Express como access point, a taxa de transferência subiu para 6,7 MB/s, o que dá algo em torno de 53 Mb/s.

O sinal do roteador se equipara ao de um roteador convencional popular (no meu caso, comparei-o com um D-Link DIR-300), principalmente quando você leva em conta que ele não tem antenas externas. Por ser pequeno, ele tem a vantagem de poder ficar em uma tomada no alto de uma parede, o que aumenta a penetração do sinal na sua residência.

Com relação a latência, o DIR-505 não decepcionou e as perdas foram bem baixas: a taxa variou entre 1 ms e 3 ms em todos os lugares onde me conectava com a rede sem fio.

Vantagens

  • É portátil e discreto
  • É multifuncional, com destaque para a função de repetidor
  • Sinal concorre com o de roteadores convencionais

Desvantagens

  • A velocidade não é tão boa
  • O compartilhamento de arquivos pela porta USB é bem limitado
  • O modo repetidor só funciona se o outro roteador possuir a tecnologia WPS

Considerações finais

O DIR-505 é um roteador bem legal, mas é destinado para um público diferente do convencional, que é o que necessita de mobilidade. Ainda assim, é o roteador perfeito para a maioria dos lares onde o uso de internet é bem simples e não demanda muita velocidade e uso de rede local.

Com preço sugerido de R$ 200 (embora seja possível encontrá-lo por menos do que isso), acredito que o DIR-505 seja uma boa pedida para quem procura expandir o sinal de sua rede Wi-Fi ou deseja levar internet para dispositivos que não possuem Wi-Fi integrado. Vale a pena para quem precisa de mobilidade: é um dispositivo multiuso e que poderá socorrer em alguma ocasião.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Thayanne Vasconcelos
Fazendo da forma que vc ensinou precisa que eu edite as configurações do roteador já instalado?
Frederic Stiebler Couto
Se eu ligar esse dispositivo num modem net com saida internet em rj-45, mas sem wireless, ele passa a criar uma rede wifi no ambiente?
Alessandra
O meu funcionava muito bem. Depois de um tempo parou de funcionar e não consigo mais o sinal com internet. Aparece o sinal mas sem acesso a internet. Aconteceu a mesma coisa com outro repetidor que peguei emprestado. nao passava a internet... Voces recomendam algum repetidor realmente bom???
harddica
Pessoal comprei este repetidor, porém não vi vantagem nenhuma em utilizá-lo, dou preferência a usar um roteador cabeado, este repetidor numa sala de 40 metros quadrados não joga sinal suficiente para um notebook, e o pior ele não consegue pegar o sinal do roteador a 1,5 metros de distância. Se não quiserem ter dor de cabeça com ele, simplesmente não comprem.
Paulo Queiroz
Não comprem ele pois você não consegue instalar o programa pois o site para cadastro não está disponível. Esse produto é uma furada. Propaganda enganosa.
Beatriz
Boa noite, eu o uso como repetidor e a minha dúvida é, se tirá-lo da tomada e colocá-lo em outro lugar terei que configurá-lo novamente?
Danniel
Horrível! Sinal totalmente lixo! nao comprem
Paulo_Andre
Mesmo chegando com o sinal maior que 50% como repetidor não funciona, a internet cai a todo momento. Fiz o teste com alguns equipamentos diferentes, inclusive com o DI 524 e com o 505, exatamente como você. Mas a internet cai a todo momento, muito ruim ele, o pior que já usei.
Paulo_Andre
Horrível! Não funciona. Mesmo chegando com um sinal maior que 50% para repetir o sinal a internet cai a todo momento. Simplesmente não funciona! Não comprem!!
Mauricio Machado Ribeiro
Alguem sabe porque o dir 505 não consegue encontrar a rede sem fio vindo a partir de um router AIRPORT EXTREME da aplle ?
gustavoacardoso
Boa tarde. Obrigado pelo review. Tenho um repetidor xing ling e é muito ruim. Tenho 20 Mbps pela NET e pra download, meu máximo é 1,5 MB/s. Mas quando estou conectado pelo repetidor, não passa de 400 kB/s. Além disso, tenho que desligar ele da tomada pelo menos umas duas vezes na noite. Pois ele trava. Fiquei interessado nesse d-link, e pelas velocidades, não teriei problema, pois uso apenas para internet e não pra rede. No máximo, pego alguns arquivos pequenos do notebook de minha esposa. Gostaria de saber qual programa ou sistemática você utilizou pra calcular a velocidade. Gostaria de testar no meu atual e fazer uma comparação.
marcorobs
Eu gostaria de comprar este aparelho para usar como repetidor mas o meu roteador é um TP-Link WDR3600 que possui um botão WPS. Alguém poderia me dizer se são compatíveis?
Lurofa
O DI 505 tem que estar localizado em um local em que possa receber um sinal razoável do roteador, a fim poder repeti-lo. Para verificar se o local escolhido é adequado, utilize um dispositivo móvel, como um celular ou tablet, e o posicione exatamente em frente à tomada escolhida (sem o repetidor). Verifique o nível do sinal wi-fi. Se não houver sinal, ou estiver muito fraco, o DIR 505 não vai conseguir captar para retransmitir a internet nessa posição - você vai conseguir o sinal do próprio repetidor, porém, "morto", sem repetir nada. Se for o caso, faça a mesma experiência em uma tomada mais próxima ao roteador.
AR SA
Tenho uma fonte POE,, será que este aparelho aceita fonte poe? e a potencia dele, chega a quantos mW? Alguem saberia me dizer? estou pensando em adquirir um , mas ainda estou com duvidas.
Pedro Henrique Link
opa, fiz tudo como o recomendado mas ainda assim n conecta a internet, configurei pelo QRS o dlink 505, aparece a rede no computador, conecta, mas n acessa a internet :(
Exibir mais comentários