Início » Games » O fiasco da Pokémon Go Fest

O fiasco da Pokémon Go Fest

Por
26 semanas atrás
Já conhece a nova extensão do Tecnoblog? Baixe Agora

Pokémon Go está comemorando um ano de vida com uma base considerável de usuários: são 65 milhões de pessoas acessando o jogo todo mês ao redor do mundo. A desenvolvedora Niantic Labs resolveu fazer um evento nos EUA — onde ela tem 5 milhões de usuários — para celebrar o sucesso do app. Infelizmente, as coisas não deram muito certo.

A Pokémon Go Fest ocorreu neste sábado no Grant Park, em Chicago, e prometia ser uma oportunidade para os fãs do jogo se conhecerem e trabalhem juntos para ganhar recompensas especiais. Infelizmente, os servidores do jogo não conseguiram aguentar a demanda e muitos ficaram sem jogar.

O ingresso custava US$ 20 (ou US$ 100 através de terceiros). As filas para o evento estavam atravessando quarteirões; alguns participantes disseram no Twitter que precisaram esperar por duas horas só para entrar. Lá dentro, as pessoas tinham dificuldade para se conectar: as redes de celular ficaram sobrecarregadas, assim como os servidores do jogo.

Isso deixou o público tão irritado que o CEO da Niantic, John Hanke, foi vaiado no palco:

Ao longo do dia, a área das atividades no Pokémon Go Fest foi ampliada para fora do parque, aliviando um pouco o congestionamento da rede.

E, para compensar as dores de cabeça, a Niantic vai reembolsar o ingresso de todo mundo, e vai adicionar US$ 100 em PokéCoins às contas dos participantes. Além disso, eles ganharam o lendário Pokémon Lugia, que fez sua primeira aparição no evento.

Recentemente, a Niantic anunciou que vai liberar Pokémon lendários em seu jogo. Lugia e Articuno já estão disponíveis em batalhas raid; enquanto Zapdos e Moltres virão “em breve”.

Com informações: Niantic, Engadget, Mashable.

Mais sobre:
  • Kumatora Brasil

    Pisou feio na quina Niantic

  • Carlos Taylor

    Usaram os músculos, mas esqueceram de usar a mente para fazer o evento..
    só acho graça dessas coisas hahah

  • Niantic não se planejando para a demanda de Pokémon Go… mais uma coisa que meio que todo mundo esperava que ocorresse

  • Marcus Araújo

    Me admiraria se tudo ocorresse bem e todos estivessem com acesso ao jogo tranquilamente… Planejamento nunca foi o forte deles.

  • Léx Ferracioli

    Mas não é só no Brasil que as redes ficam sobrecarregadas em eventos semelhantes?

    • C. Herrera

      Não. Já observei congestionamento em Barcelona, por exemplo. Mas, pelo menos, vão reembolsar os ingressos e até dar alguns mimos para compensar… bem diferente de alguns países, velhos conhecidos.

      • Léx Ferracioli

        Sarcasmo kkkkkkk
        Sempre vem um e fala que só no Brasil que acontece essas merdas 😎

        • Shrek realista

          Isso acontece em qualquer lugar, porém no Bananal é sempre pior.

  • Theo Queiroz

    Mas aí o problema não foi só da Niantic. As redes 4G das operadoras também não suportaram, por isso muita gente nem conseguiu conectar. Isso acontece com certa frequencia quando tem eventos grandes como o super bowl por exemplo.

  • Belle Goebbels

    É como se fizesse o evento aqui no nordeste, só assaltos e problemas. Chicago é uma das piores cidades dos EUA.

  • Armando Augustus Freire

    A Niantic sempre foi uma vergonha na realização de eventos desse tipo… Desde os tempos de Ingress, onde acontecia evento com uma certa frequência (e hoje, só acontece evento lá fora)!

    A falta de organização deles é uma coisa absurda! Eles tem estrutura suficiente para conversar com as prestadoras de rede móvel e planejar o cenário ideal, mas o problema é que eles gostam mesmo é de passar vergonha! ¯_(ツ)_/¯