Início » Telecomunicações » Sinal de TV analógica será desligado nesta quarta-feira em Recife

Sinal de TV analógica será desligado nesta quarta-feira em Recife

Emerson Alecrim Por

O sinal analógico de TV aberta de Recife e mais 14 municípios do entorno será desligado nesta quarta-feira (26). O Gired, grupo responsável pelo processo de digitalização de TV no Brasil, tinha programado o processo para a última semana de julho, de fato, mas só tomou a decisão depois de verificar que a região superou o mínimo de 90% de domicílios com disponibilidade de TV digital.

A constatação foi feita pela Ibope Inteligência que, com base em 1.078 entrevistas realizadas entre os dias 9 e 22 deste mês, concluiu que 92% das residências da capital pernambucana e região estão aptas à TV digital. Havia o temor de que o desligamento do sinal analógico tivesse que ser adiado, pois as pesquisas prévias apontavam que o percentual mínimo não seria atingido dentro do prazo.

TV antiga (Imagem por stevestein1982)

De acordo com a Anatel, os kits de TV digital, com antena e conversor, continuam sendo distribuídos gratuitamente às famílias da região cadastradas nos programas sociais do governo federal, como o Bolsa Família. As informações para retirada estão disponíveis no site Seja Digital ou pelo telefone 147.

Como você deve saber, o desligamento da TV analógica está sendo feito para alavancar o uso da TV digital no Brasil, que oferece mais qualidade de som e imagem, e liberar o espectro do sistema antigo de televisão para as operadoras de telefonia móvel ampliarem as redes 4G.

Com a decisão, Recife se juntará às regiões de Brasília, Goiânia e São Paulo (capital). Todas já são 100% digitais. As próximas capitais a terem o sinal analógico desligado são Salvador (BA) e Fortaleza (CE): se os requisitos mínimos forem atingidos, ambas passarão pelo processo no dia 27 de setembro. Está previsto, para a mesma data, o desligamento de sinal nas cidades de Juazeiro do Norte e Sobral, também no Ceará.

O governo espera que, até 2023, não haja mais sinal analógico de TV ativo no território brasileiro.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

PugOfWar
dá uma dor no coração quando vou na casa de parente e vejo isso, tento explicar que com zoom é a mesma imagem mas deformada.
Yago G. Oliveira
Pois é Jefferson, e além disso, o público que usa internet não é o mesmo que consome streaming.
É difícil, a questão é que não é só qualidade, é o acesso mesmo. Grande parte do país não tem acesso a internet e enquanto isso for uma realidade, a TV aberta será decisiva no principal contacto para as pessoas.
Angelo Andersom
hoje 26/07 fiquei acompanhado o desligamento e o fechamento dos canais, analógico Recife/Moreno,PE mais fazer o que o molhe já foi e não mais voltara mais
Angelo Andersom
hoje 26/07 fiquei acompanhado o desligamento e o fechamento dos canais, analógico mais fazer o que o molhe já foi e não mais voltara mais
Alexandre Roberto
estou no MT...capital...fico pendurado em netflix sem sofrimento (sso nao sei te dizer se o chromecast se mantem nos 720 ou 1080)....mesmo na minha 3g (tim) nao sofro (mas ai baixa a resolucao, ate por ser um cel )
No interiorzao do Mt, ai a coisa muda mesmo e fica impraticavel
Jefferson Rodrigues
Bem melhor assim! Eu também não assisto mais ao jornal nem online e nem pela TV. Eu tô sempre lendo as notícias online. As notícias mais importantes do dia eu já li e elas passam na TV. Então, percebi que não há necessidade de assistir ao jornal. A internet está matando a TV aos poucos.
Baidu feat MC Brinquedo
Com 1 ou 2Mb dá pra assistir de boa em 360 ou 480p.
Acima de 10Mb roda tranquilo os 1080p do YouTube sem lag (phoda é o traffic shaping).
Baidu feat MC Brinquedo
Eu assisto depois, quando o programa acaba.
Vou no site, vejo as matérias que me interessam pra assistir.


Mesma coisa com o Pânico na Band (que virou um lixo de uns anos pra cá). Só assisto os quadros que gosto, sem precisar ver o programa todo e milhares de comerciais.
Jefferson Rodrigues
Eu tenho e muita gente tem. Ainda não é o Brasil em peso, mas estamos caminhando para chegarmos lá.
Veritas
No Brasil? Nunca.

Só quando o sistema educacional brasileiro mudar.
Yago G. Oliveira
O custo da internet no país é de 15% ou mais que um salário. A TV aberta é o primeiro transporte de informação que um trabalhador médio tem. Para ela desaparecer, uma cadeia de coisas precisam ser mudadas, inclusive a boa e velha cultura novelista.
Eu gosto bastante, só não assisto mais TV porque onde moro, as emissoras se recusam a nos oferecer canal digital.
Yago G. Oliveira
Quem hoje no Brasil tem acesso a conexão e boa velocidade para usar esses programas de TV na web?
tuneman
Sim! Apenas enquanto existir o programa do Ratinho!
Felipe Silva
da uma conferida ai nas frequências, boa parte da frequência analógica é a mesma da digital, eu diria que uns 70% dela (tenho de calcular certinho mais to com preguiça),
4g usa acida de 700 Mhz, que é acima do canal 50 e alguma coisa, ou seja, se a transmissora está do 14 ao 50, ela poderia continuar usando a mesma frequência, só precisa mudar a geradora do sinal para uma digital.
Jefferson Rodrigues
Larguei da TV paga tem uns dois anos. Não sinto falta. Prefiro alugar filmes na Google Play. Bem melhor que pagar pela TV por assinatura e ter de assinar os canais HBO ou os Telecine para poder assistir aos lançamentos.
Jefferson Rodrigues
Vai, sim! Muitos programas, principalmente, os do SBT ficam disponíveis na web, após o término deles. Então, a própria TV aberta está ajudando a matá-la.
Jefferson Rodrigues
Mau assisto à TV aberta pela televisão. Gosto do Fantástico. Mas só assisto às reportagens que me interessam e só assisto online.
Jefferson Rodrigues
Odeio esse zoom! Corta muita coisa.
Alexandre Roberto
Eu larguei mao da tv paga há pouco mais de um ano. Tv não me é relevante, não é minha fonte de informação e nem minha fonte primária de entretenimento, porém ainda faco uso da tv aberta para assistir a F1 e vez ou outra desenhos (SBT e cultura) para minha filha.
Para um público de maior idade, as novelas serao sempre insubstituiveis
Alisson Santos
É nessas horas que a gente descobre a "noobice" das pessoas quando se trata de tecnologia. Conheço muitas pessoas que tem uma TV de alta definição, mas assistem os canais abertos na parabólica analógica. Outros configuram o formato da tela para 4:3 para não ver as barras laterais nos programas que ainda transmitem assim (principalmente afiliadas pobres), só que este formato corta e estica a imagem das outras. Qualquer forma de nova tecnologia levará mais tempo para se expandir em um país com as características do Brasil.
Alisson Silva
É nessas horas que a gente descobre a "noobice" das pessoas quando se trata de tecnologia. Conheço muitas pessoas que tem uma TV de alta definição, mas assistem os canais abertos na parabólica analógica. Outros configuram o formato da tela para 4:3 para não ver as barras laterais nos programas que ainda transmitem assim (principalmente afiliadas pobres), só que este formato corta e estica a imagem das outras. Qualquer forma de nova tecnologia levará mais tempo para se expandir em um país com as características do Brasil.
Diogo
O problema é que eles precisam liberar essa frequência (que não é a mesma do sinal digital) pra ser usado pela rede 4G, se eu não me engano.
Felipe Silva
Muito demorado esse cronograma.
deviam liberar as emissoras a implementar o sinal digital e desligar o analógico em simultâneo, se assim desejassem, até para poder usar a mesma frequência, e aproveitar parte do equipamento, algo caro para uma emissora local.

Alguém sabe onde tem esse cronograma que vai até 2023?
Islan Oliveira
Acho que a relevância da TV não acabará tão cedo assim, se é que um dia irá acabar.
Will
Infelizmente sim
Weller Santibanez
Infelizmente sim
Trovalds
Será que até la a TV aberta ainda vai ser relevante?