Início » Celular » Asus Zenfone Max Pro (M2) é lançado no Brasil com 5.000 mAh e Android puro

Asus Zenfone Max Pro (M2) é lançado no Brasil com 5.000 mAh e Android puro

Asus Zenfone Max Pro (M2) tem bateria de 5.000 mAh, câmera traseira dupla com sensor de 12 MP da Sony e Android sem ZenUI

Felipe Ventura Por

A Asus está lançando o Zenfone Max Pro (M2) no Brasil: este celular possui bateria generosa de 5.000 mAh que promete durar até dois dias; câmera traseira dupla com sensor de 12 megapixels da Sony; e experiência de Android puro, sem interface ZenUI. Ele chega ao país custando R$ 1.699 no modelo de 64 GB, e R$ 1.799 na versão de 128 GB.

Asus Zenfone Max Pro (M2)

O Zenfone Max Pro (M2) é um intermediário focado na bateria: a Asus diz que ele tem até 23 h de autonomia para navegação em Wi-Fi, até 19 h para reprodução online de vídeos ou até 10 h para sessões de jogos. Com uso misto, ele promete durar dois dias. O carregamento de 10 W é feito através da porta microUSB.

A tela de 6,26 polegadas possui resolução Full HD+ e notch para a câmera frontal de 13 megapixels. Na traseira, ficam o leitor de digitais e a câmera dupla, com sensor principal Sony IMX486 de 12 megapixels e um sensor de profundidade de 5 MP.

Por dentro, temos o processador Snapdragon 660 octa-core, 4 GB de RAM e opções de 64 GB ou 128 GB de armazenamento. A página de produto da Asus Brasil menciona o “Android puro” na versão Oreo 8.0, mas a atualização para o Android 9 Pie já está disponível — é possível baixá-la neste link.

O Asus Zenfone Max Pro (M2) está à venda na loja online da Asus, nas cores Black Saphire e Titanium. Agora ficamos no aguardo do Zenfone 6 com câmera giratória, que foi homologado este mês pela Anatel.

Asus Zenfone Max Pro (M2)

Asus Zenfone Max Pro (M2) – ficha técnica (Brasil):

  • Tela: 6,26 polegadas, Full HD+ (2280 x 1080), LCD IPS, 19:9, 90% de aproveitamento frontal, brilho de 450 nits, vidro Corning Gorilla Glass 6
  • Processador: Qualcomm Snapdragon 660 octa-core (4 x 2,2 GHz, Kryo 260 + 4 x 1,8 GHz, Kryo 260), chip gráfico Adreno 512
  • RAM: 4 GB LPDDR4x
  • Armazenamento: 64 GB ou 128 GB, expansível por microSD
  • Câmera traseira: sensor principal de 12 megapixels, Sony IMX486, f/1,8, 1,25 μm; sensor de profundidade de 5 MP
  • Câmera frontal: 13 megapixels, f/2,0, Softlight LED Flash
  • Bateria: 5.000 mAh, carregamento de 10 W
  • Sistema operacional: Android 8.0 Oreo, atualização disponível para Android 9 Pie
  • Conectividade: microUSB, entrada 3,5 mm para fone de ouvido, Wi-Fi 802.11 b/g/n de 2,4 GHz, Bluetooth 5.0, localização (GPS, Glonass, BDS, Galileo, QZSS), bandeja tripla para dois chips 4G e cartão microSD
  • Sensores: leitor de digitais na traseira, luz ambiente, proximidade, acelerômetro, bússola, giroscópio
  • Dimensões: 157,9 x 75,5 x 8,5 mm; 175 g

Asus Zenfone Max Pro (M2)

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Douglas Peixoto

>>> 2019
>>> MicroUSB
>>> 2019

Douglas Peixoto
>>> 2019 >>> MicroUSB >>> 2019
RODRIGO

Melhor não ter P2 mesmo!! Muito antiquada esta entrada!!! Fones sem fios é o futuro dos futuros!!!!

RODRIGO

Ainda mais sem NFC!!! Affs, ninguém merece!!!

Felipe Oliveira

ASUS viajou no preço. Tenho um Max pro M1, que paguei na época custava 1.150,00. Não vejo por que a ASUS não poderia lançar por 1.200,00 visto que o M2 não é uma evolução mas sim uma atualização.

Snap 660 é mais potente que o 636 só que mais Gastão.

O acabamento no M1 é de metal e no M2 de plástico.

O M2 tem um notch que é questão de gosto e o M1 não.

Somente a câmera teve uma melhora inquestionável, entretanto não é tão melhor assim. Está só uns 10% melhor.

Felipe Oliveira
ASUS viajou no preço. Tenho um Max pro M1, que paguei na época custava 1.150,00. Não vejo por que a ASUS não poderia lançar por 1.200,00 visto que o M2 não é uma evolução mas sim uma atualização. Snap 660 é mais potente que o 636 só que mais Gastão. O acabamento no M1 é de metal e no M2 de plástico. O M2 tem um notch que é questão de gosto e o M1 não. Somente a câmera teve uma melhora inquestionável, entretanto não é tão melhor assim. Está só uns 10% melhor.
IPTV4K

MELHOR lista de canais IPTV4K www.iptv4k.me ! FAÇA AGORA O SEU TESTE ! Acesse e chame no nosso ícone do WhatsApp lá no site ! Algum atendente estará pronto à atende-lo(a). Qualidade e preço baixo! SEM TRAVAMENTOS Definição HD/FHD/4K (11) 95033-2625... https://uploads.disquscdn.c...

IPTV4K

MELHOR lista de canais IPTV4K www.iptv4k.me ! FAÇA AGORA O SEU TESTE ! Acesse e chame no nosso ícone do WhatsApp lá no site ! Algum atendente estará pronto à atende-lo(a). Qualidade e preço baixo! SEM TRAVAMENTOS Definição HD/FHD/4K (11) 95033-2625 https://uploads.disquscdn.c...

Ed. Blake

Um aparelho velho sendo requentado a preço de zero bala nos BRBR. Quando foi lançado na India este telefone era até interessante. Hoje, não mais.

Até mesmo pelo fato de a Asus só atualizar (garantia) uma versão do Android e este telefone já recebeu.

Tem propostas muito mais interessantes pelo mesmo preço.

Ele só é uma boa ideia pra quem curte ROM customizada. Por ter feito sucesso na India tem um thread recheado no XDA.

Maicon Bruisma

Vai demorar um pouco então. Tem o Meizu 16th com entrada de fone por 2k vendido pela Vi. Ou pegar um S9 em promoção.

Ouriço

Gostei do hardware, só que parece que não tem entrada P2... Eu sei que é fútil se preocupar com isso em 2019, mas eu ainda prefiro o som de fones com fio. E um P2 no celular é uma mão na roda não só pra economizar uma grana com fones, mas também ligar em outros equipamentos que não tenham bluetooth.

O S8 é bem legal, só que o preço do conserto da tela curva é suficiente pra comprar um intermediário base, então não.

Tenho que esperar o S10e ficar por uns 1800 pra poder comprar.

Maicon Bruisma

Eu tenho um amigo que tava nessas. Ele ia pegar um iPhone 7, pq o 8 tá caro mesmo usado. Ia dar 1700 mangos por um de 32gb, aí eu recomendei o Mi9 SE. Até eu fiquei com vontade de ter, mas teria de me desfazer do S8 e não tô afins agora. O aparelho é pequeno, posso afirmar que é menor que um Xperia XZ e mais estreito óbvio, leve e dá satisfação em usar. Somente tive essa mesma sensação com o S10e mencionado.
Ele pagou 1500 lacrado.

Ouriço

Verdade. O Zen5 pode não ter um processador nem bateria iguais, mas em questão de design ele parece mais bem resolvido (na cor preta), e o conjunto geral é superior.

Agora eu queria algo razoável pra substituir meu Moto G5 em questão de tamanho. Quase não se vê smartphone com menos de 15 cm de altura, hardware equilibrado e preço razoável.

Só tem mesmo o Moto G7 Play (só 2GB de RAM), LG Q7+ (Mediatek e android desatualizado) e Galaxy S10e (caro demais pra mim).

Maicon Bruisma

Não só novo como faço com usado assim. O S8+ snapdragon saiu por mil, mas era novo. O Xperia XZ que peguei pro trabalho, usado mas cuidado, 280 mangos. O Lumia 950, pra matar minha saudade do sistema, 140 pilas. Achei um A30 pra um brother meu por 600 com supostamente 1 semana de uso, isso já faz uns 2 meses acho, e tá firme e forte rodando PUBG melhor que no meu Sony.
Não tô cagando dinheiro faz um tempo, último aparelho que comprei novo foi o Xiaomi Mi5s em 2016.

Maicon Bruisma

Talvez ano passado teria feito mais efeito. Sei que esse ano o dólar está mais alto, mas achei caro de qualquer forma.
Fora que não ter USB-C mostra que o produto é projeto velho, nem tanto pelo snapdragon 660 que ainda dá um caldo, mas até pelo design do notch. O próprio Zenfone 5 está mais barato, e o Moto G7 Plus estava esses dias por menos de R$1100, eu sacrificaria o processador bom do M2 por um conjunto superior que é o que temos no Zenfone 5 e G7 Plus.

Exibir mais comentários