Início » Gadgets » Acer Swift X é um notebook com GeForce RTX Série 30 e peso de MacBook Pro

Acer Swift X é um notebook com GeForce RTX Série 30 e peso de MacBook Pro

Acer também anunciou dois notebooks gamer com configurações chegando em uma GeForce RTX 3080, Intel Core i9 e tela Mini LED

André Fogaça Por

A Acer anunciou nesta quinta-feira (27) um novo notebook chamado Swift X. O portátil aposta em um visual mais tradicional para este tipo de PC e entrega peso de aproximadamente 1,4 quilo, mas ainda assim oferece placa gráfica GeForce RTX da série 30 capaz de rodar jogos pesados até mesmo com ray tracing ativado.

Acer Swift X (Imagem: divulgação/Acer)

Acer Swift X (Imagem: divulgação/Acer)

A linha de notebooks Swift não é recente e ela aposta em um visual menos chamativo, com corpo fino e pouco peso para que o portátil fique apresentável em um número grande de ocasiões, indo desde uma reunião de negócios, até mesmo uma transmissão ao vivo de conteúdo pela internet.

O Swift X segue exatamente este pensamento e oferece quase 1,8 centímetro de altura na parte mais espessa, junto de peso em aproximadamente 1,4 quilo. A tela é de 14 polegadas com resolução Full HD e o corpo é feito em metal. O teclado não ocupa toda a parte inferior, dividindo espaço com um leitor de impressões digitais e trackpad largo.

Acer Swift X não é gamer, mas se esforça

Se por fora a impressão não é tão animadora, por dentro a fabricante taiwanesa resolveu colocar peças e componentes para garantir o uso deste notebook por muitos anos, já que ele não é voltado para o público gamer – mais exigente. As configurações completas não foram divulgadas pela Acer, mas ela garantiu a presença de uma placa gráfica Nvidia GeForce RTX 3050 Ti, junto de processador AMD Ryzen da série 5000.

Acer Swift X (Imagem: divulgação/Acer)

Acer Swift X (Imagem: divulgação/Acer)

Este conjunto trabalha com até 16 GB de RAM e 2 TB em disco de estado sólido, colocando todos os arquivos na tela com brilho máximo de 300 nits e cobertura de 100% do sRGB. As conexões por cabo podem ser feitas com uma USB-C 3.2 de segunda geração, ou então duas outras portas USB-A, sem opções para porta de rede ou HDMI, muito menos leitor de cartões de memória. Já para o lado wireless, o Swift X oferece Wi-Fi 6 e Bluetooth, mas a fabricante não especificou a versão.

Este conjunto de hardware pode não ser o mais potente para o público gamer, mas ainda assim ele garante ao Acer Swift X a possibilidade de rodar praticamente qualquer jogo da atualidade, mesmo em configurações gráficas elevadas – principalmente quando o DLSS está ativado. Em títulos compatíveis, o ray tracing pode ser acionado, mas com algum comprometimento para a quantidade de quadros por segundo.

Já para o público geral, foco deste notebook, ter um computador com a configuração prometida pela Acer pode ser a certeza de que o portátil será capaz de durar por bons anos antes de apresentar lentidão no sistema operacional, que neste caso é o Windows 10. Ainda com essas pessoas em mente, a bateria promete 16 horas de uso contínuo e recarga rápida.

Acer Swift X (Imagem: divulgação/Acer)

Acer Swift X (Imagem: divulgação/Acer)

Por dentro, seja o usuário um gamer ou então apenas alguém utilizando o Swift X para trabalho, o conjunto de hardware tira proveito da ventoinha de 59 pás e tubos de calor de cobre D6, junto de outras tecnologias para lidar com o calor gerado em um espaço tão confinado. A Acer garante que estas novidades garantem fluxo de ar entre 5% e 10% maior.

Acer também anunciou notebooks gamer

Se o Swift X pode ter configuração para aguentar muitos jogos pesados, mas não é focado em um público gamer, a Acer resolveu este problema com atualizações de duas de suas séries: com o Predator Triton 500 SE e Helios 500. Os dois modelos receberam configurações para comportar até um processador Intel Core i9 de décima primeira geração, junto das novas placas gráficas GeForce RTX da série 30 e tela Mini LED.

As opções para o gamer configurar os dois modelos também incluem até 64 GB de RAM DDR4 e placa gráfica GeForce RTX 3080. Para acompanhar tanto poder de fogo, a tela do Predator Triton 500 SE pode exibir 240 Hz, enquanto o Helio 500 reduz a resolução para garantir 360 Hz, ou coloca tudo em 4K com 120 Hz.

Quando e quanto?

O Acer Swift X será lançado internacionalmente a partir de junho deste ano, com preços começando em US$ 900 em uma configuração mais distante do máximo reportado neste texto. Já o Predator Triton 500 SE chega na mesma data, com preço inicial de US$ 1.750 e o Predator Helios 500 começa a ser vendido em agosto, custando a partir de US$ 2,5 mil.

Comentários da Comunidade

Participe da discussão
3 usuários participando