Início » Antivírus e Segurança » O que é um exploit de software ou hardware?

O que é um exploit de software ou hardware?

Caçando vulnerabilidades de um sistema; saiba o que é um exploit de software ou hardware e entenda a ameaça cibernética

Leandro Kovacs Por

Ferramenta de acesso à falhas em barreiras que facilitem a invasão de hackers aos computadores. Veja abaixo, o que é um exploit de software ou hardware, como funcionam e quais são os tipos mais comuns de brechas na segurança dos sistemas. A análise profunda de uma arquitetura de programação é o caminho mais usado pelos criminosos para a versão mais nociva, a Zero Day.

O que é um exploit? (Imagem: Negative Space/Pexels)

O que é um exploit? (Imagem: Negative Space/Pexels)

O que é um exploit?

No português simples, exploits são programas ou códigos projetados para alavancar uma fraqueza do software e causar efeitos indesejados. Para criá-los, primeiro é preciso examinar as vulnerabilidades de segurança ou falhas, antes de gastar tempo com a escrita do código.

O software e as redes vêm com alguma proteção integrada contra hackers, uma espécie de bloqueio que evita que visitantes indesejados se conectem. Uma vulnerabilidade, então, é como uma “janela” aberta – acidentalmente ou não – pela qual o criminoso pode passar.

Quando pensamos em computadores ou redes, os hackers podem instalar softwares maliciosos através de vulnerabilidades para controlar o sistema para seus próprios objetivos. Normalmente, isso acontece sem o conhecimento do usuário – fora os casos do uso da Engenharia Social. O exploit é a ferramenta que dá acesso ao criminoso até essa “janela” aberta do sistema.

O que é um exploit? (Imagem: Leandro Kovacs/Tecnoblog)

A “escada” exploit dá acesso à “janela” vulnerável (Imagem: Leandro Kovacs/Tecnoblog)

Tipos comuns de exploits

Basicamente, são dois tipos de exploits: os conhecidos pelos criadores do sistema e os zero day desconhecidos.

Exploits conhecidos

Estes já foram descobertos por pesquisadores de segurança digital. Quer o exploit conhecido seja devido a uma vulnerabilidade no software, sistema operacional ou mesmo hardware, os desenvolvedores podem codificar patches de atualização para fechar a brecha – por isso é fundamental manter seus dispositivos atualizados. Esses patches são lançados para os usuários como atualizações de segurança.

Exploits Zero Day ou desconhecidos

São criados especificamente por cibercriminosos assim que descobriram uma vulnerabilidade e usam a exploração desta para atacar as vítimas no mesmo dia.

Quando ocorre um ataque exploit zero day, os desenvolvedores de software e pesquisadores de segurança digital precisam se esforçar para descobrir como funciona o exploit e como corrigir a vulnerabilidade, antes que maiores vítimas sejam atingidas.

É uma verdadeira corrida contra o relógio. Os zero day, normalmente, aparecem com grande destaque na imprensa, em uma tentativa de prevenção, mas só os especialistas em segurança podem resolver de fato.

Com informação: Cisco, Avast.

Comentários da Comunidade

Participe da discussão
1 usuário participando