Início » Gadgets » CEO da Nokia esnoba celulares dual e quad-core

CEO da Nokia esnoba celulares dual e quad-core

Avatar Por
8 anos atrás

Enquanto diversos smartphones do mercado têm processadores com dois ou até quatro núcleos a sua disposição, os novos aparelhos equipados com Windows Phone vendidos pelos finlandeses da Nokia contam com chips single core. E na humilde (e, vá lá, tendenciosa) opinião de Stephen Elop, presidente da empresa, isso está longe de ser uma desvantagem.

Em uma entrevista a um jornal chinês chamado Yangcheng Evening News, o executivo afirmou que telefones com chips muito potentes apenas gastam mais energia sem oferecer ganho de desempenho equivalente. "São apenas um desperdício de bateria para o consumidor", afirmou. "Processadores com muitos núcleos não são um indicativo de performance na 'vida real'", completou o CEO.

Stephen Elop em visita ao Brasil em novembro de 2011

Elop defende sua tese afirmando que desde o começo do ano sua companhia lançou um desafio chamado Blown Away by Lumia no mercado chinês. No teste, é oferecida uma recompensa de 1.000 yuan (R$ 285) àquele que tiver um telefone multinúcleos que execute tarefas de forma mais rápida que o Lumia 900, equipado com um processador comum e o Windows Phone 7. Ele diz que "jamais perdemos um desafio sequer".

Apesar de ter desdenhado telefones com processadores de dois e quatro núcleos, informações levantadas pelo site Pocket Lint dão conta de que a Nokia pode estar testando desde janeiro o chip Qualcomm MSM8960, de dois núcleos, para lançamentos que deverão acontecer até o final deste ano. O futuro aparelho viria já com Windows Phone 8, mas não há nenhuma confirmação oficial disso ainda.