Arquivo Gadgets

Olympus mostra MEG 4.0, possível concorrente do Project Glass

Rafael Silva
Por

As melhores ofertas,
sem rabo preso

A fabricante Olympus, quem diria, resolveu voltar ao ramo de óculos de realidade aumentada. A empresa, que apresentou um protótipo desse tipo de óculos pela primeira vez em meados de 2005, anunciou hoje no Japão o chamado MEG4.0. Pela imagem liberada pela empresa, ele parece ter uma quase microscópica tela que, garantem, vem com resolução de 320 x 240 pixels e bateria que tem autonomia para funcionar por até 8 horas.

Segundo a empresa, no MEG4.0 foram incluídas “tecnologias ópticas proprietárias” que fazem com que o a visão do ambiente seja maximizada (seja lá o que isso quer dizer). Sua tela tem um modo intermitente que se liga durante 15 segundos a cada 3 minutos e isso, segundo a empresa, faz com que a bateria tenha essa autonomia toda.

Os engenheiros da Olympus, no entanto, não fizeram questão de incluir uma câmera no óculos – mas eles lembraram de colocar um chip Bluetooth para conectar a smartphones e também um acelerômetro, que deve mostrar na tela itens na posição certa. O conjunto completo pesa apenas 30 gramas incluindo a bateria e não tem data para ser disponibilizado.

Vale lembrar que mesmo que o Google tenha desenvolvido um protótipo do seu Project Glass primeiro, a Apple foi a empresa que conseguiu registrar a patente de algo assim antes. E embora a patente cite que o óculos da Apple seria usado de forma mais fixa e menos focado na mobilidade, eu consigo ver potencial para mais uma briga judicial entre as empresas. E a Olympus pode acabar no meio.

Com informações: The Verge.

Rafael Silva

Rafael Silva tem 27 anos, estudou Tecnologia de Redes de Computadores e mora em São Paulo. Tem uma queda pela Apple na área de dispositivos móveis, mas sempre usou Windows em todos os seus notebooks e desktops. Vez ou outra fala alguma coisa interessante no Twitter: @rafacst. [Envie um email]

Mais Populares

Responde

Relacionados

Em destaque