Arquivo Internet

Google (meio que) dá vida nova ao Wave

João Brunelli Moreno
Por

As melhores ofertas,
sem rabo preso

Finalmente uma boa notícia para os fãs do Google Wave, serviço revolucionário – e quiçá, incompreendido – de comunicações colaborativas que teve sua morte agendada para o final do ano há cerca de um mês por sua empresa-mãe. Ontem o blog oficial do Wave anunciou que todo o código-fonte do serviço estará disponível para que desenvolvedores rodem-o como uma aplicação a partir de seus próprios servidores ou aproveitem alguns de seus recursos em seus próprios serviços, num projeto chamado Wave in a box.

“Estamos aumentando em cerca de 200 mil linhas o código que já oferecíamos”, diz o post que apresenta a novidade, que também diz que o Wave in a box irá oferecer “um pacote de aplicações que inclui a criação de um servidor e um cliente web” para o serviço, suporte para conversas colaborativas, o futuro desenvolvimento de uma loja de apps e suporte a gadgets e APIs, entre outros recursos.

Além de oferecer maiores oportunidades para os desenvolvedores, com o Wave in a box o Google também pretende atender aos usuários que se sentiram órfãos com o fim da linha do serviço. “Desde o começo o Wave foi nossa visão de uma nova geração de comunicação e ferramentas colaborativas. A resposta da comunidade de desenvolvedores foi incrível e gratificante. (…) Quando o Wave in a box for uma aplicação funcional, seu futuro será definido por suas contribuições”, afirma o Google.

Com informações Google Wave Blog

João Brunelli Moreno

Formado em comunicação e jornalismo pela Universidade Metodista de Piracicaba, João Brunelli Moreno é redator, blogueiro, roteirista e produtor de conteúdo. Venceu mais de 100 prêmios de publicidade, incluindo o 40° Profissionais do Ano realizado em 2018. Foi autor no Tecnoblog entre 2009 e 2012 cobrindo assuntos relacionados a gadgets, computadores, Apple, Google, Microsoft, entre outros.

Mais Populares

Responde

Relacionados

Em destaque