Arquivo Gadgets

Bateria dos carros elétricos poderá chegar ao seu bolso

João Brunelli Moreno
Por

As melhores ofertas,
sem rabo preso

A Panasonic anunciou na semana passada um investimento no valor de US$ 30 milhões na norte-americana Tesla Motors, fabricante de veículos elétricos conhecida por produzir o esportivo Roadster. Esse veículo é capaz de acelerar de 0 a 100 km/h em apenas 3,7 segundos – marca digna dos melhores Porsches ou Ferraris – sem queimar uma única gota de combustível.

De acordo com a empresa japonesa, a parceria permitirá “acelerar o desenvolvimento das baterias de uso automotivo” e “explorar futuras oportunidades do mercado”. A Daimler (dona da marca Mercedes Benz), General Motors e Toyota são outras das parceiras da pequena fábrica instalada na Califórnia, que em 2012 deverá lançar um sedã de luxo por hora conhecido como Model S.

Depois de um longo e tortuoso caminho, partes deste carro deverão parar no seu bolso

Desde 2008 a Panasonic também participa do desenvolvimento das baterias do Nissan Leaf, hatchback 100% elétrico que deverá ser lançado no mercado norte-americano e japonês nos próximos meses. Uma de suas várias novidades é um plano que permitirá que seus proprietários usem as baterias usadas e no fim da vida útil – prevista para oito anos – como moeda de troca na compra de novas unidades, “com capacidade e performance atualizadas”.

Apesar de velhinhas, as unidades descartadas dos carros ainda teriam capacidade de sobra para gadgets e seriam recicladas e reutilizadas em notebooks e smartphones, “oferecendo capacidade superior aos modelos atualmente disponíveis no mercado”.

Com informações: Autonews

João Brunelli Moreno

Formado em comunicação e jornalismo pela Universidade Metodista de Piracicaba, João Brunelli Moreno é redator, blogueiro, roteirista e produtor de conteúdo. Venceu mais de 100 prêmios de publicidade, incluindo o 40° Profissionais do Ano realizado em 2018. Foi autor no Tecnoblog entre 2009 e 2012 cobrindo assuntos relacionados a gadgets, computadores, Apple, Google, Microsoft, entre outros.

Mais Populares

Responde

Relacionados

Em destaque