Arquivo Internet

Facebook revela o segredo de como ser popular

Rafael Silva
Por

As melhores ofertas,
sem rabo preso

Na semana passada a equipe de análise de dados do Facebook liberou estatísticas interessantes de quais palavras as pessoas usam nas suas atualizações e quais as reações delas a certas atualizações. Para descobrir tais estatísticas eles usaram um programa chamado LIWC, que analisa o texto e determina quantas palavras de categorias diferentes uma pessoa usa num texto, se elas têm um teor negativo ou positivo e outros fatores.

Dentre as descobertas, o Facebook mostrou que no começo do dia os usuários expressam emoções positivas e que a partir da tarde a maioria usa palavras que expressam emoções negativas. Além disso, o estudo concluiu que atualizações polêmicas ou comentários negativos sobre alguém ou alguma empresa são as que mais geram comentários enquanto que atualizações contendo palavras religiosas são as mais “Curtidas”.

Já outras descobertas não são assim tão ineditas: eles afirmam que pessoas mais novas tendem a usar mais palavrões e se referirem à eles mesmos com maior frequência do que pessoas mais velhas. Atualizações relacionadas com sono, trabalho ou ainda estados corporais são as que foram menos comentadas.

O que o estudo basicamente diz é que você deve criticar mais se quiser receber mais comentários e escrever coisas religiosas ou palavras positivas se quiser mais Likes. Não deve ser surpresa para ninguém que você também deve evitar dar boa noite quando for para a cama ou avisar quando tirou catota do nariz, pois eles não recebem muitos comentários. Agora pegue essas dicas e comece a praticar para aumentar a sua meritocracia informal popularidade na rede. Boa sorte!

Com informações: Slashdot, Facebook.

Rafael Silva

Rafael Silva tem 27 anos, estudou Tecnologia de Redes de Computadores e mora em São Paulo. Tem uma queda pela Apple na área de dispositivos móveis, mas sempre usou Windows em todos os seus notebooks e desktops. Vez ou outra fala alguma coisa interessante no Twitter: @rafacst. [Envie um email]

Mais Populares

Responde

Relacionados

Em destaque