Com o iPad 2 a Apple estreou a segunda versão do seu processador para dispositivos móveis, o A5. Dessa vez ele veio com dois núcleos, dobrando o poder de processamento quando comparado com o iPad original. Além disso, com o novo tablet a Apple também liberou uma nova versão do sistema móvel iOS, que chegou essa semana à versão 4.3. E foi graças a ele que um curioso desenvolvedor descobriu um detalhe sobre o possível próximo iPhone.

Código do processador encontrado (Crédito: Filippo Bigarella) | Clique para ampliar

Dentro do código do iOS 4.3 a Apple usa códigos para especificar seus dispositivos e os componentes. O processador A4, usado no iPhone 4, iPod touch de 4ª geração, o iPad 1 e na Apple TV, por exemplo, é referido com o código S5L8930. Quando o iOS 4.3 foi liberado para download, alguns desenvolvedores descobriram o código do A5, S5L8940, e também o código de um produto não anunciado associado ao processador, o N94AP. Baseado nisso, o desenvolvedor Filippo Bigarella afirma que o processador A5 usado no iPad pode estar presente no iPhone 5, que seria o tão misterioso dispositivo N94AP.

Como sempre a Apple não comenta rumores e especulações, então dificilmente veremos uma confirmação por parte da empresa. Mas faz sentido para eles usarem um processador mais poderoso na próxima versão do seu celular, visto que até os aparelhos Androids já contam com processadores tão poderosos quanto o A5.

Com informações: CNET.

Receba mais notícias do Tecnoblog na sua caixa de entrada

* ao se inscrever você aceita a nossa política de privacidade
Newsletter
Rafael Silva

Rafael Silva

Ex-autor

Rafael Silva estudou Tecnologia de Redes de Computadores e mora em São Paulo. Como redator, produziu textos sobre smartphones, games, notícias e tecnologia, além de participar dos primeiros podcasts do Tecnoblog. Foi redator no B9 e atualmente é analista de redes sociais no Greenpeace, onde desenvolve estratégias de engajamento, produz roteiros e apresenta o podcast “As Árvores Somos Nozes”.

Relacionados