Google Pixel 5 deve abandonar Motion Sense para gestos

Google não deve incluir sensores para controles de gestos no Google Pixel 5 e Google Pixel 5 XL em 2020

Bruno Gall De Blasi
Por

O Google Pixel 5 e o Google Pixel 5 XL não devem contar com o Motion Sense. Ao que tudo indica, o próximo celular da Google não trará os sensores para controle de gestos e movimentos introduzidos pelo Google Pixel 4, em 2019. Ainda não há data de lançamento marcada para o smartphone.

Sucessor de Google Pixel 4 XL (foto) deve abandonar Motion Sense para gestos (Foto: Daniel Romero/Unsplash)

O controle por gestos é uma das principais novidades do Google Pixel 4 e Google Pixel 4 XL. Os smartphones contam com sensores na porção frontal para detectar movimentos e acionar comandos no celular, como pausar uma música, por exemplo, ou até mesmo agilizar o uso do sistema de reconhecimento facial.

Apesar de tamanha engenhosidade, o Motion Sense pode ficar de fora no próximo celular da companhia. De acordo com fontes ouvidas por Stephen Hall, do 9to5Google, o Google pretende não incluir os sensores do Projeto Soli no Google Pixel 5.

Conforme observa o The Next Web, a decisão pode estar relacionada a questões regulatórias, já que o uso da tecnologia não é permitido em todos os países devido às frequências utilizadas pelos componentes, como a Índia. Os custos de produção também podem estar relacionados ao abandono dos sensores.

Hall ainda deu pistas sobre o Google Pixel 4a em sua conta do Twitter. De acordo com o editor do 9to5Mac, o smartphone com armazenamento de 128 GB custará US$ 349 (cerca de R$ 1.990 em conversão direta).

O Google Pixel 4 e o Google Pixel 4 XL não estão à venda no Brasil.

Com informações: The Next Web e Stephen Hall (Twitter)

Relacionados

Relacionados