Apple é processada sob acusação de monopólio e golpes na App Store

Desenvolvedor do FlickType para Apple Watch critica a Apple por concorrência desleal, propaganda enganosa e fraude

Darlan Helder
Por

O desenvolvedor do aplicativo FlickType abriu um processo contra a Apple: Kosta Eleftheriou, que também ajudou a criar o app Fleksy, acusa a empresa de Tim Cook por fraude, negligência, propaganda enganosa e violação de boa-fé. Segundo ele, a Apple tem ignora o problema de fraude na App Store, pois a gigante tem lucrado com isso.

App Store no iPhone (Imagem: André Fogaça/Tecnoblog)

App Store no iPhone (Imagem: André Fogaça/Tecnoblog)

Apple Store vs FlickType

Eleftheriou é responsável pelo FlickType, um teclado usado no Apple Watch. Desde o seu lançamento, o aplicativo para relógio sofre ataques de fraudadores, que aproveitam para criticar o serviço original e lançam outros apps semelhantes para atrair usuários. Mesmo com essas críticas, jornalistas de tecnologia já elogiaram o FlickType em reviews. Eleftheriou diz que os golpistas “compram avaliações 5 estrelas” para rebaixar o original.

Apple Watch (imagem: Cottonbro/Pexels)

Apple Watch (imagem: Cottonbro/Pexels)

“Apesar de possuir enormes recursos e conhecimento tecnológico, a Apple intencionalmente falha em policiar esses fraudadores, custando a desenvolvedores honestos milhões e talvez bilhões, enquanto a empresa continua a acumular enormes lucros para si mesma”, diz o processo. As brigas não começaram hoje: o desenvolvedor lembra que seu aplicativo foi rejeitado várias vezes na App Store e que a Apple até tentou adquirir o FlickType para o transformar em um recurso nativo do Apple Watch.

Sem sucesso. Depois da reunião para a possível aquisição, Kosta Eleftheriou informou que seu app foi banido por violar as diretrizes de revisão da App Store. No entanto, ele alega que vários outros apps de imitadores continuaram no ar. Ao recorrer via Relações com o Desenvolvedor, o criador não recebeu informações de como evitar esse tipo de problema. Com a guerra, o FlickType vem sentindo o impacto no bolso, perdendo receita.

Kosta acusa a dona do iPhone por concorrência desleal (violando o código de negócios e profissões da Califórnia), violação de boa-fé, propaganda enganosa, fraude e negligência. “A Apple fecha os olhos para a fraude e a exploração galopantes para ter um lucro fácil”, diz o processo.

Com informações: The Verge e TechCrunch

Darlan Helder

Ex-autor

Darlan Helder é jornalista e escreve sobre tecnologia desde 2019. Já analisou mais de 200 produtos, de smartphones e TVs a fones de ouvido e lâmpadas inteligentes. Também cobriu eventos de gigantes do setor, como Apple, Samsung, Motorola, LG, Xiaomi, Google, MediaTek, dentre outras. Ganhou menção honrosa no 15º Prêmio SAE de Jornalismo 2021 com a reportagem "Onde estão os carros autônomos que nos prometeram?", publicada no Tecnoblog. 

Relacionados

Relacionados