Notícias Aplicativos e Software

Google Assistente ganha vozes vermelho e laranja contra rótulos de gênero

Agora, usuários podem selecionar uma segunda voz em português brasileiro no Google Assistente; opções foram batizadas de "Vermelho" e "Laranja"

Bruno Ignacio
Por

As melhores ofertas,
sem rabo preso

O Google Assistente recebeu uma segunda opção de voz em português brasileiro nesta sexta-feira (5). Ao falar “OK Google, mudar a voz do Assistente”, usuários poderão acessar o novo recurso, mas essa não é a única novidade. As duas versões foram batizadas de “Vermelho” (voz clássica) e “Laranja” (nova voz) para, segundo a empresa, combater esteriótipos de gênero.

Google Assistente no Android (Imagem: Darlan Helder/Tecnoblog)
Google Assistente no Android (Imagem: Darlan Helder/Tecnoblog)

A voz clássica do Google Assistente sempre foi associada ao gênero feminino. Agora, essa opção se chama simplesmente Vermelho, enquanto a nova voz do assistente virtual foi batizada de Laranja. “Para evitar o reforço de rótulos ou estereótipos que costumam ser associados a assistentes virtuais, as opções de vozes serão classificadas em cores (Vermelho ou Laranja), no lugar de gênero”, disse o Google em comunicado.

“OK Google, mudar a voz do Assistente”

Para quem já possui o aplicativo do assistente virtual em smartphones ou tablets, a nova opção de voz pode ser acessada nas configurações ou ao falar “OK Google, mudar a voz do Assistente”. No caso de caixas de som inteligentes, as mudanças devem ser realizadas no app do Google Home.

Para quem baixar o aplicativo hoje e em novos dispositivos, as duas opções de voz em português brasileiro serão distribuídas aleatoriamente, na proporção de 50% cada. Segundo o Google, a novidade chega para trazer mais diversidade e inclusão. 

Novas opções de voz Vermelho e Laranja no Google Assistente (Imagem: Divulgação/ Google)
Novas opções de voz Vermelho e Laranja no Google Assistente (Imagem: Divulgação/ Google)

“O objetivo do Assistente é ser uma ferramenta personalizada, e isso significa permitir que as pessoas possam escolher a voz mais adequada para elas. Por isso, é importante poder oferecer uma nova voz para conversar e ajudá-las a realizar as suas tarefas no dia a dia.”

Maia Mau, chefe de marketing do Google Assistente na América Latina em postagem no blog da empresa.

Mau também recomenda testar a nova opção de voz do assistente virtual com as seguintes frases:

  • “OK, Google, mudar a voz do Assistente.”
  • “OK, Google, quem é você?”
  • “OK, Google, quem criou a sua voz?”
  • “OK, Google, descreva sua personalidade.”
  • “OK, Google, o que você pode fazer?”
Bruno Ignacio

Ex-autor

Bruno Ignacio é jornalista formado pela Faculdade Cásper Líbero. Cobre tecnologia desde 2018 e se especializou na cobertura de criptomoedas e blockchain, após fazer um curso no MIT sobre o assunto. Passou pelo jornal japonês The Asahi Shimbun, onde cobriu política, economia e grandes eventos na América Latina. Já escreveu para o Portal do Bitcoin e nas horas vagas está maratonando Star Wars ou jogando Genshin Impact.