Kindle Scribe traz caneta para te ajudar a fazer anotações e estudar

Novo e-reader da Amazon possui tela de 10,2 polegadas e bateria de longa duração; Kindle Scribe chega ao consumidor com a caneta na caixa

Bruno Gall De Blasi
Por

Amazon apresentou, nesta quarta-feira (28), o novo Kindle Scribe. Com tela de 10,2 polegadas, o novo e-reader possui uma caneta que pode ser usada tanto para te ajudar a fazer notas em livros quanto anotações ao estudar, preparar reuniões e afins. O gadget ainda traz uma bateria que promete passar semanas longe do carregador.

Kindle Scribe (Imagem: Divulgação/Amazon)
Kindle Scribe (Imagem: Divulgação/Amazon)

Este é o primeiro Kindle compatível com uma caneta. Através dela, os usuários não terão mais limites na hora de ler livros e arquivos PDF, pois será possível escrever diretamente no texto. Em outras palavras: teve algum insight ou deseja fazer um desenho, setinha e afins durante a leitura? Sem problemas, basta usar o acessório.

A nova função tende a ser um grande atrativo a quem usa o Kindle para estudar. Na graduação, por exemplo, eu cheguei a usar o meu Kindle Paperwhite para fazer a minha monografia. No entanto, após um tempo, troquei o e-reader pelo iPad pois precisava grifar e fazer anotações com caneta ao preparar o fichamento.

O lançamento também vai oferecer uma função para fazer anotações fora de livros e promete ser fácil de usar. Segundo a Amazon, a caneta poderá ser guardada na lateral do Kindle Scribe por um imã, assim como em alguns tablets. Além disso, não será necessário recarregar ou configurar o acessório para ser usado.

O novo Kindle também vai salvar e sincronizar todas as anotações na nuvem gratuitamente e automaticamente. Os usuários também poderão acessar essas informações pelo app do Kindle em 2023. Além disso, no ano que vem, será possível enviar documentos do Microsoft Word ao dispositivo.

Kindle Scribe (Imagem: Divulgação/Amazon)
Kindle Scribe (Imagem: Divulgação/Amazon)

Kindle Scribe possui tela de 10,2 polegadas

O gadget garante a maior tela entre os e-reades da marca. Com 10,2 polegadas, o painel oferece uma densidade de 300 ppi, assim como o Kindle Paperwhite e o Kindle Oasis, ambos conhecidos pelo painel de alta qualidade. O dispositivo também possui luz de fundo ajustável para você manter a leitura mesmo em lugares escuros.

A bateria é outro destaque. Dando sequência aos demais produtos da linha, o Kindle Scribe traz bateria que dura semanas, a depender do uso. Os usuários ainda contam com o acesso ao vasto catálogo de livros da Amazon.

YouTube video

Preço e disponibilidade

O Kindle Scribe será vendido nos Estados Unidos pelo preço sugerido a partir de US$ 339,99, cerca de R$ 1.750 em conversão direta. O dispositivo terá opções com armazenamento de 16 GB, 32 GB e 64 GB. A Amazon também vai comercializar acessórios, como capas, para o lançamento.

Vale ressaltar que a caneta acompanha o dispositivo na caixa. Mas a Amazon também vai vender uma edição “premium” por US$ 30 (R$ 155) com um botão customizável e um sensor de borracha para apagar anotações.

Até o momento, não há previsão de lançamento do dispositivo no Brasil.

Relacionados

Relacionados