Pix terá apenas limite por horário; veja o que vai mudar a partir de 2023

Em janeiro, o Pix vai deixar de considerar o limite por transação; usuários também terão mais flexibilidade ao utilizar o Pix Saque e Troco

Bruno Gall De Blasi
Por

Pix passará por mudanças mais uma vez. De janeiro em diante, o Banco Central (BC) vai manter apenas o limite por período diurno ou noturno, deixando o teto por transação de lado, a fim de simplificar as ferramentas de segurança da plataforma. A entidade também elevou a restrição para retiradas através do Pix Saque e Pix Troco.

Logotipo do Pix no celular
Pix (Imagem: Vitor Pádua / Tecnoblog)

Esta é mais uma alteração nos limites do Pix que o BC determinou a restrição de R$ 1 mil no período noturno.

Segundo a Instrução Normativa 331, apenas o limite por horário permanecerá de pé.

Isto significa que, ao ajustar os limites, os usuários deverão escolher somente a quantia máxima para fazer transferência de dia, das 6h às 20h, e de noite, das 20h às 6h.

Com a mudança, não será preciso apontar um teto para transações individuais. Por outro lado, os usuários devem se atentar aos valores autorizados por período para não atingir o teto com um único pagamento.

A oferta do horário noturno também ficará menos rígida. De acordo com a determinação do BC, “os participantes poderão, a seu critério, ofertar funcionalidade para que o usuário final possa solicitar que o período noturno compreenda o período entre as 22 horas e as 6 horas”.

Atualmente, o período noturno é padronizado para começar às 20h.

Estas medidas vão entrar em vigor em 2 de janeiro de 2022.

Flexibilização ajuda, mas é preciso ter cautela

Nesta quinta-feira (29), Marcelo Godke, advogado especializado em direito bancário e mercado de capitais, ressaltou os benefícios da simplificação da plataforma. Mas alertou: a flexibilização é um dos pontos positivos, mas os usuários devem ter cuidado e atenção ao administrar os limites para evitar riscos.

O alerta está ligado aos problemas conhecidos após o furto e roubo de celulares. Afinal, caso a conta bancária tenha um limite alto, os criminosos com acesso indevido à conta poderão retirar grandes quantias sem dificuldade.

Notificação de Pix enviado (imagem: Emerson Alecrim/Tecnoblog)
Notificação de Pix enviado (imagem: Emerson Alecrim/Tecnoblog)

Por isso, é importante ajustar o limite do Pix apenas para o necessário, sem aumentá-lo em excesso. Especialmente ao considerar que os bancos fazem uma análise antes da liberação da alteração ou pedem para se dirigir ao caixa eletrônico para confirmar a solicitação.

Em alguns casos, a alteração leva de 24 horas a 48 horas para entrar em vigor.

“Vale lembrar que a remessa de dinheiro via Pix não tem estorno, via de regra. Por isso, o usuário precisa ser mais precavido”, destacou.

BC aumenta teto do Pix Saque e Pix Troco

O Banco Central instituiu outra mudança do Pix que será aplicada a partir de janeiro. Trata-se do limite do Pix Saque e Pix Troco, que terá um aumento considerável.

Confira:

  • Período diurno: de R$ 500 para R$ 3 mil;
  • Período noturno: de R$ 100 para R$ 1 mil.

Dessa forma, os usuários poderão lidar com valores maiores ao fazer transações com dinheiro através do Pix.

Relacionados

Relacionados